Andrew Parsons

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Andrew Parsons
Parsons, no lançamento dos uniformes para as cerimônias dos Jogos Paralímpicos Rio 2016.
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Nascimento 10 de fevereiro de 1977 (45 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Presidente do Comitê Paralímpico Internacional
(2017—atualmente)

Andrew Parsons (Rio de Janeiro, 10 de fevereiro de 1977) é um jornalista e dirigente desportivo brasileiro descendente de escoceses.[1] É o atual presidente do Comitê Paralímpico Internacional.[2]

Segundo ele, causa surpresa em alguns observadores o fato de que ele próprio não tenha deficiência.[3]

Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Foi assessor de imprensa do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), instituição que foi Secretário-Geral, entre 2001 e 2009. Em 2009 foi eleito Presidente do CPB, reeleito em 2011. [4]

Em sua gestão à frente do CPB, liderou a delegação brasileira em dois Jogos Paralímpicos. Em Londres 2012, o Brasil terminou na sétima colocação, melhorando o desempenho em relação a última edição dos jogos, realizado em Pequim 2008. Já nas Paralimpíadas da Rio 2016, o Brasil conquistou sem melhor desempenho em números de pódios em todo a história da competição, ao todo foram 72 medalhas, 14 de ouro, 29 de prata e bronze. [5]

Presidiu o Comitê Paralímpico das Américas (2005-2009) e foi Vice-Presidente do IPC durante os anos 2013 e 2017.

Em setembro de 2017 foi eleito, em primeiro turno, presidente do Comitê Paralímpico Internacional (IPC), durante a Assembleia Geral do Comitê realizada em Abu Dhabi. Parsons substitui o britânico Philip Craven, que presidia a entidade desde 2001. [2]


Precedido por
Philip Craven
Presidente do IPC
2017 – atual
Sucedido por
Precedido por
Vital Severino Neto
Presidente do CPB
2009 – 2017
Sucedido por
Mizael Conrado

Referências