Anki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Anki (baseado na palavra japonesa 暗記 anki significando memorização) é um programa open source de cartões de memorização, originalmente concebido para a aprendizagem de novas línguas, porém adaptável para qualquer outro tipo de aprendizagem. Por ser supostamente mais eficiente do que os métodos tradicionais de estudo a longo prazo, você pode diminuir significativamente o tempo gasto estudando e aumentar a quantidade de informações aprendidas.

Quem precisa de se lembrar de coisas na sua vida diária pode beneficiar do Anki. Uma vez que roda em diversos dispositivos e suporta imagens, áudio, vídeos, HTML e marcação científica (via LaTeX), as possibilidades tornam-se bem variadas. Por exemplo:

  • Aprendizagem de uma língua;
  • Estudar para os exames médicos e lei;
  • Memorizar os nomes das pessoas e rostos;
  • Afiar na geografia;
  • Tornar-se mestre em poemas longos;
  • Mesmo praticando acordes de guitarra.

Características[editar | editar código-fonte]

  • Anki permite estudar no seu computador (Windows, Mac ou Linux), online (através de um navegador) ou num smartphone (iPhone ou Android);
  • Sincronização entre os vários dispositivos com um servidor privado;
  • Modelo de cartão flexível que lhe permite gerar múltiplas visualizações de informação e de entrada no formato que desejar. Você não está limitado a estilos pré-definidos;
  • Otimizado para velocidade e decks de 100.000 cartões;
  • Open Source

Histórico[editar | editar código-fonte]

A menção mais antiga sobre o Anki refere-se ao seu aniversário de lançamento, 5 de outubro de 2006.[1]

Versão 2.0 foi lançada em 06/10/2012.

Referências

  1. Happy birthday, Anki!, uma thread iniciada por Damien Elmes no Fórum de Discussões *ankisrs*.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Anki