António Ferra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
António Ferra
Nascimento 1947 (72 anos)
Porto, Portugal Portugal
Nacionalidade português
Ocupação Escritor e artista plástico

António Ferra (Porto, 1947) é um escritor e artista plástico português[1]. Frequentou a Faculdade de Letras de Lisboa[carece de fontes?], cidade onde virá a fixar-se, após o início de carreira em Bragança e passagens esporádicas pelo País de Gales e Guiné-Bissau, onde exerceu funções profissionais[carece de fontes?].

História[editar | editar código-fonte]

Publicou várias obras nas áreas da pedagogia – onde se destaca Pedagogia Centrada na Pessoa – e da literatura para crianças, especialmente teatro representativo das “transformações sociais do pós 25 de Abril”. Nesta área, é autor premiado com a peça Caleidoscópio.

No campo da ficção escreveu Crónicas dos Novos Feitos da Guiné e narrativas curtas, como O Vermelho e o Negro, Olhar o Silêncio, Água e Fogo e Silêncios Comprados. Representado em várias antologias, em 2002 publicou o seu primeiro livro de poesia, Com a Cidade no Corpo, em 2006 A Palavra Passe e em 2010 um livro de poesia satírica - Livro de Reclamações. Estação Suspensa é, à data, 2009, uma publicação onde inicia um caminho na prosa poética, de que são ainda exemplos Bio grafia e Marias Pardas.

Tem colaboração dispersa em jornais e revistas[carece de fontes?].

Manteve sempre a sua actividade como artista plástico, numa articulação possível com o trabalho de escrita. A última exposição, Ur banismos, (Torres Vedras e Lisboa) tem uma temática de habitação periférica, onde também reside grande parte da sua escrita[2].

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

Teatro e contos para a infância e juventude[editar | editar código-fonte]

  • Zé Pimpão, João Mandão e os Sapatos Feitos à Mão - 1978 teatro
  • A Canção de Começar – 1979 teatro
  • Caleidoscópio - 1980 teatro (Prémio de Teatro da Secretaria de Estado da Cultura)
  • Histórias E Teatrada Com Alguma Bicharada 1994, teatro
  • O Anjo e o Gato e outras Histórias-2005
  • Meu Reino Por Um Cavalo – 2011 (Plano Nacional de Leitura)

Pedagogia[editar | editar código-fonte]

  • Pedagogia Centrada na Pessoa (duas edições, 1981, 1992), Editora Planeta
  • Aprendizagem e Mudança - 1984, Editora Barca Nova
  • Anima- Pedagogia e Animação Comunitária - 1992
  • A Casa-Mãe - Romance Pedagógico - 1998

Poesia e Pintura[editar | editar código-fonte]

  • Norte - 1986, plaquette
  • O Desemprego dos Dias - 2005, plaquette

Poesia[editar | editar código-fonte]

  • Com a cidade no Corpo - 2002 , edição CM Lisboa
  • A Palavra Passe, 2006, [3] Editora Campo das Letras
  • Livro de Reclamações, Editora Fabula Urbis, 2010 [4]
  • Dos Livros levanta-se um pássaro - edição de autor, 2017

Narrativa[editar | editar código-fonte]

  • Crónica dos Novos Feitos da Guiné – 1996 [5]
  • O Vermelho e o Negro - 2004, Europress
  • Olhar o Silêncio - 2005 - Europress
  • Água e Fogo, Coleção Gema, Europress 2006 [3]
  • Silêncios Comprados, Coleção Gema, Europress 2006 [3]
  • Estação Suspensa - 2009 - Europress
  • Bio grafia, Coleção Gema nº5, Europress 2011 [6]
  • Marias Pardas - &etc 2011
  • Fugindo de Todos os Fogos - Gema nº 6, Europress 2016
  • Já próximo dos anjos - edição de autor - 2018
  • BLUFF - edição Douda Correria, 2019

Participações[editar | editar código-fonte]

  • Nas Antologias de poesia da editora D .Quixote: “Ao Porto” , “Encantada Coimbra” e “Algarve Todo o Mar”
  • Na colectânea de Contos “O Homem em Trânsito” da editora Indícios de Oiro
  • Na Antologia de Poesia "Os Dias do Amor" da editora Ministério dos Livros
  • Na Antologia de Poesia "Divina Música", Conservatório de Música de Viseu
  • Na Antologia "só à noite os gatos são pardos", Associação de Protecção Animal
  • Na Revista de Poesia "Saudade"
  • Na Revista Eupheme

Referências[editar | editar código-fonte]


  1. Sítio do Livro. «António Ferra». Consultado em 5 de março de 2011 
  2. «Ur Banismos, a nova exposição de António Ferra». Boas Notícias. Consultado em 11 de março de 2011 [ligação inativa]
  3. a b c Grupo Porto Editora. «António Ferra». Consultado em 5 de março de 2011 
  4. Luís Varela. «Livro de Reclamações». Consultado em 5 de março de 2011 
  5. «Memória de África». Pesquisa bibliográfica por autor, Universidade de Aveiro | Fundação Portugal-África. Consultado em 5 de abril de 2011 
  6. Antonio Ferra (2011). Bio grafia. [S.l.]: Europress 
Bibliografia
  • António Garcia Barreto (2002). Dicionário de Literatura Infantil Portuguesa. [S.l.]: Campo das Letras 
  • Glória Bastos (2006). O Teatro Para Crianças em Portugal. [S.l.]: Caminho 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]