Antropopatia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Antropopatia é a atribuição de sentimentos humanos a Deus. Observando que Deus é Espírito e não possui sentimentos iguais aos humanos, essa é uma forma que o homem usa para aproximar do seu entendimento os sentimentos de Deus.como quando escrevendo um dos primeiros livros do pentateuco,o autor que aparentemente foi moisés (Moshe) em Gen 6:6 que diz ´´Então arrependeu o Senhor de ter feito o homem na terra``na qual o autor, atribui a Deus um sentimento humano.

É de origem Grega palavra Antropopatia ou Atropopatismo, proveniente de Duas palavras, anthropos, "Homem" e pathos, "afeto" ou "paixão" Atropopatismo seria então atribuir a Deus sentimentos e paixões humanas.

Principais sentimentos atribuídos a Deus: Vingança: "porem no dia da minha visitação vingarei neles o seu pecado" Ex 32:34.

Arrependimento:"Então arrependeu o Senhor de ter feito o homem na terra e isto lhe pesou no coração", Gn 6:6.

Alegria:" E será que, assim como o Senhor se deleitava em vós, para fazer-vos o bem e multiplicar-vos, assim o Senhor se deleitará em destruir-vos e consumir-vos; e sereis desarraigados da terra na qual estais entrando para a possuirdes." Dt 28:63.

Averiguando esta situação entendemos que são expressões usadas na Bíblia Sagrada para denotar que viemos de Deus, o ser supremo, que é criador de todas as coisas.


Sobre antropopatia, convém lembrar que os sentimentos humanos atribuídos a Deus, como por exemplo, arrepender-se, não possui a mesma aplicação a nós, pois se arrepende quem erra. E Deus nunca erra, nem errará. Então, o sentido de arrepender-se é ponderar, considerar, pesar em seu "coração" - antropomorfismo.

Curiosidade: No corão cita-se 99 títulos a Alah, mas somente do Deus Eterno, Único e Verdadeiro se diz que Deus é AMOR (!)

Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.