Apóstolos de Cambridge

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Trinity College, uma das bases dos Apóstolos de Cambridge

Os Apóstolos de Cambridge, também conhecidos como a Cambridge Conversazione Society, são uma sociedade secreta da elite intelectual da Universidade de Cambridge, fundada em 1820 por George Tomlinson, um estudante de Cambridge que chegou a ser bispo de Gibraltar.

A sociedade teve seu nome, os Apóstolos, devido aos seus fundadores terem sido em número de doze. A maior parte dos membros não é graduado, ainda que tenha tido estudantes graduados entre os membros, além de membros que ostentaram postos na universidade. Tradicionalmente, a sociedade teve seus membros baseados no King's College e no Trinity College.[1] [2]

Alguns ex-membros[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Allen, Peter (1978). The Cambridge Apostles: the early years Cambridge University Press [S.l.] ISBN 978-0-521-21803-0. 
  2. Deacon, Richard (pseudonym for Donald McCormick) (1986). The Cambridge Apostles: A History of Cambridge University's Elite Intellectual Secret Society (em inglês) Farrar, Straus and Giroux [S.l.] ISBN 978-0-374-11820-4. 
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.