Apple ProRes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Apple ProRes é um formato de compressão de vídeo com e sem perda de dados desenvolvido pela Apple Inc. para uso em pós-produção digital, que suporta até 5K. É o sucessor do Apple Intermediate Codec e foi introduzido em 2007 com o Final Cut Studio2.[1]

Apenas em 4:4:4 RGB ou YCbCr é feita a compressão de vídeo sem perda de dados pelo Apple ProRes.

Não é distribuído na indústria para o usuário comum nenhuma cópia neste formato, pois a partir deste obtem-se a cópia perfeita do vídeo (o negativo digital).[2]

Visão geral[editar | editar código-fonte]

ProRes é uma linha de codecs intermediários, o que significa que eles são destinados para uso durante a edição de vídeo, e não para a visualização prática do usuário final. O benefício de um codec intermediário é que ele mantém a maior qualidade do que codecs de usuário final ao mesmo tempo que exige sistemas de disco muito menos caro em comparação com vídeo não comprimido. É comparável ao Avid dnxhd codec ou Cineform que oferecem as taxas de bits semelhantes que também se destinam a ser utilizados como intermediários codecs. ProRes 422 é um codec intra-frame apenas baseado em DCT e é lá na frente mais simples para decodificar formatos orientados a distribuição, como o H.264.[3]

Codec[editar | editar código-fonte]

O codec possui os seguintes variantes[editar | editar código-fonte]

Apple ProRes 4444 XQ[editar | editar código-fonte]

  • A versão de mais alta qualidade do Apple ProRes para vídeos originais de amostragem 4:4:4:4 (último 4 refere-se ao canal alpha) com uma taxa de dados muito alta, para manter os detalhes de imagens HDR geradas pelos sensores de câmeras digitais de mais alta qualidade disponíveis na atualidade. O Apple ProRes 4444 XQ mantém alcances dinâmicos várias vezes maiores que o alcance dinâmico de imagens Rec. 709 — mesmo com o rigor do processamento de efeitos visuais extremos, em que as escalas de preto e destaques são estendidos significativamente. Como o Apple ProRes 4444 padrão, esse codec aceita até 12 bits (4.096 variações em cada canal RGB) por canal de imagem e até 16 bits (65.536 variações em cada canal RGB) para o canal alfa. O Apple ProRes 4444 XQ tem taxa de dados de destino de aproximadamente 500 MB/s para vídeos 4:4:4 com resolução de 1.920 x 1.080 a 29,97 fps.

Apple ProRes 4444[editar | editar código-fonte]

  • Uma versão de qualidade extremamente alta do Apple ProRes para vídeos originais 4:4:4:4 (inclusive canais alfa). Esse codec tem fidelidade visual e de cor RGBA 4:4:4:4 com qualidade de masterização praticamente indistinguível do material original. O Apple ProRes 4444 é uma solução de alta qualidade para armazenar e trocar imagens em movimento e compostas, com excelente desempenho multigeracional e canal alfa de até 16 bits matematicamente sem perdas (lossless). Esse codec tem uma taxa de dados muito baixa em comparação com HD 4:4:4 sem compactação, com uma taxa de dados de destino de aproximadamente 330 MB/s para vídeos 4:4:4 com resolução de 1.920 x 1.080 a 29,97 fps. Ele também oferece codificação e decodificação direta para os formatos de pixels RGB e Y’CBCR.

Apple ProRes 422 HQ[editar | editar código-fonte]

  • Uma versão do Apple ProRes 422 com maior taxa de dados que mantém a qualidade visual no mesmo nível do Apple ProRes 4444, mas para vídeos originais 4:2:2. Com ampla adoção no setor de pós-produção de vídeo, o Apple ProRes 422 HQ mantém vídeos HD profissionais sem perdas visuais, com a mais alta qualidade que pode ser transmitida por um sinal HD-SDI de link único. Esse codec é compatível com vídeos originais 4:2:2 de largura total e profundidade de pixels de 10 bits (1.024 variações em cada canal RGB), permanecendo sem perdas visuais por muitas gerações de decodificação e recodificação. A taxa de dados de destino do Apple ProRes 422 HQ é de aproximadamente 220 MB/s com resolução de 1.920 x 1.080 a 29,97 fps.

Apple ProRes 422[editar | editar código-fonte]

  • Um codec compactado de alta qualidade que oferece praticamente todos os benefícios do Apple ProRes 422 HQ, mas com 66% da taxa de dados para melhorar ainda mais o desempenho de edição multistream em tempo real. A taxa de dados de destino do Apple ProRes 422 é de aproximadamente 147 MB/s com resolução de 1.920 x 1.080 a 29,97 fps.

Apple ProRes 422 LT[editar | editar código-fonte]

  • Um codec com maior compactação que o Apple ProRes 422, com aproximadamente 70% da taxa de dados e arquivos 30% menores. Esse codec é perfeito para ambientes em que a capacidade de armazenamento e a taxa de dados são escassos. A taxa de dados de destino do Apple ProRes 422 LT é de aproximadamente 102 MB/s com resolução de 1.920 x 1.080 a 29,97 fps.

Apple ProRes 422 Proxy[editar | editar código-fonte]

  • Um codec com compactação ainda maior que a do Apple ProRes 422 LT, destinado ao uso em fluxos de trabalho off-line que exigem taxas de dados menores, mas vídeo com resolução máxima. A taxa de dados de destino do Apple ProRes 422 Proxy é de aproximadamente 45 MB/s com resolução de 1.920 x 1.080 a 29,97 fps.[4]

Licenciamento[editar | editar código-fonte]

A Apple licenciou o Apple ProRes para a utilizaçaão de algumas empresas em produtos e fluxos de trabalho específicos. Em algumas situações, foram utilizadas implementações não autorizadas de codec em produtos de hardware e software de terceiros. Usar implementações não autorizadas (como FFmpeg e derivadas) pode gerar erros de decodificação, queda do desempenho, incompatibilidade e instabilidade.

ProRes hardware[editar | editar código-fonte]

A Arri Alexa utiliza também o codec ProRes, com gravação 1080p e fluxos de vídeo em 2K, suporte a ProRes 4444, 444 e todos as versões de ProRes. Desde junho de 2011, existem vários gravadores de vídeo com suporte a ProRes baseados em hardware, da AJA (IO HD interface FireWire 800; Ki Pro e Ki Pro gravadores portáteis Mini), ATOMOS (Ninja e Samurai gravadores), Sound Devices (PIX), Convergent Design (Odyssey7, 7Q, 7Q +), e FastFoward Video (gravador Sidekick).[5]

Na NAB 2012, a Blackmagic anunciou gravação ProRes em seus gravadores HyperDeck SSD, bem como sobre a gravação direta em ProRes na Blackmagic Cinema Camera.[6]

Em 2013 a Convergent design introduziu seu Odyssey7 e Odyssey7Q monitores / gravadores que podem gravar em Apple ProRes 422 (HQ) e são certificados pela Apple.[7]

Em 2014 a Atomos introduziu seu mais recente gravador avançado, o Shogun, que pode gravar resolução 4K em Apple ProRes.[8]

Referências

  1. «Final Cut Pro 6 - Broad Format Support» (em inglês). Apple. Consultado em 12 de março de 2015. Arquivado do original em 8 de junho de 2011 
  2. «Back to the Future with 4K: Large-Sensor Motion Picture Cameras in 2013» (em inglês). Filmaker Magazine. Consultado em 12 de março de 2015 
  3. «ProRes: A Closer Look» (em inglês). Pro Video Coalition. Consultado em 14 de março de 2015. Arquivado do original em 12 de março de 2009 
  4. https://www.apple.com/support/assets/docs/products/finalcutpro/Apple_ProRes_June_2014_loc_pt_BR.pdf
  5. «Products» (em inglês). FLV. Consultado em 14 de março de 2015 
  6. «NAB 2012: Brevity Emerges From Stealth Mode» (em inglês). Sports Video Org. Consultado em 14 de março de 2015 
  7. «Apple ProRes 422 HQ» (em inglês). Convergent Design. Consultado em 14 de março de 2015 
  8. «RECORD 4K FROM THE WORLD'S BEST CAMERAS» (em inglês). Atomos. Consultado em 14 de março de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Tecnologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.