Ariane 3

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
O foguete Ariane 3 durante o lançamento dos satélites ECS-2 e Telecom 1A.

O Ariane 3 foi um foguete descartável europeu, que foi usado em onze lançamentos entre 1984 e 1989. Foi um membro da família de foguetes Ariane, o mesmo foi derivado do Ariane 2, embora ele voou antes. Ele foi projetado pelo Centre National d'Études Spatiales, e produzido pela Aérospatiale, na França.

O Ariane 3 seguiu o mesmo projeto básico como o primeiro foguete da família, o Ariane 1, mas ele incorporou modificações feitas para o Ariane 2. Ao contrário do Ariane 2, foi colocado dois estágios PAP de combustível sólido para aumentar a primeira etapa da decolagem.

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

O Ariane 3 fez seu voo inaugural em 4 de agosto de 1984, quase dois anos antes do Ariane 2, da qual tinha sido derivado, colocando os satélites ECS-2 e Telecom 1A em órbita de transferência geoestacionária. Foram onze lançamentos com dez sucessos e um fracasso. A falha ocorreu no quinto voo, lançado em 12 de setembro de 1985, quando a terceira fase não conseguiu inflamar resultando em que o foguete não conseguisse alcançar a órbita. Os satélites ECS-3 e Spacenet 3 foram perdidos no fracasso.

O Ariane 3 foi rapidamente substituído pelo mais potente Ariane 4, resultando em um número relativamente pequeno de lançamentos. Ele fez o seu último voo em 12 de julho de 1989, levando o satélite Olympus F1.

Lançamentos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]