Atarote

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Atarote era uma cidade situada ao leste do rio Jordão.Esta região era considerada especialmente própria para o gado das tribos de Gade e Rubem.[1] A cidade foi depois reconstruída pelos gaditas.[2]

A Pedra Moabita do Rei Mesa menciona este lugar, nas linhas 10 e 11 da inscrição. Ela diz em parte: "Ora, os homens de Gade sempre haviam morado na terra de Atarote, e o rei de Israel construíra para eles Atarote; mas eu lutei contra a cidade e a tomei, e matei todo o povo da cidade . . . E eu trouxe de volta de lá Arel (ou Oriel), seu maioral . . . e fixei ali homens de Sarom e homens de Maarite."[3]

Atualmente este lugar é Khirbet ‛Attarus, ao leste do mar Morto e a uns 13 km ao noroeste de Díbon (mencionada depois de Atarote em Números 32:3. Suas ruínas estão situadas na encosta oeste dum monte que leva o mesmo nome e que tem cerca de 750 metros de altitude.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Números 32:1-5
  2. Números 32:34
  3. Ancient Near Eastern Texts (Textos Antigos do Oriente Próximo), editado por J. B. Pritchard, 1974, p. 320.