Athos (mitologia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Na mitologia grega, Athos era um dos gigantes, filho de Gaia, a Terra, e de Urano, o Céu. No princípio Urano e Gaia queria que seus filhos dominassem os tempos, sendo que Athos teve uma grande importância na primeira aparição dos titãs do velho mundo. Athos chegou a derrotar zeus, mas foi preso e expurgado após uma traição de todo o Olimpo, que queria tomar conta do que conhecemos como novo mundo. Em uma batalha, jogou uma montanha em Zeus, que por sua vez rebateu-a para o chão perto da Macedônia. Esta montanha foi o sagrado topo do famoso monte Athos na grécia, que é adorado até hoje por religiosos de todo o mundo. Pergaminhos com o nome de Athos estiveram perdidos por muito tempo, e são conhecidos por ser um dos mais antigos da mitologia grega. Ainda há provas escritas da existencia de Athos e seus meio-irmãos em pergaminhos no Museu de Arte e Mitologia na Grécia.