Bancolombia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde março de 2016). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Bancolombia S.A.
Cotação BVC: BCOLOMBIA, PFBCOLOM, NYSE: CIB
Sede Medellin,  Colômbia
Empregados cerca de 30.000
Valor
de mercado
Aumento US$ 13,3 bilhões (2011)
Lucro Aumento US$ 901,3 milhõs (2011)
Faturamento Aumento US$ 4,6 bilhões (2011)[1]
Página oficial www.grupobancolombia.com/

Bancolombia é o maior banco da Colômbia. Foi fundado em Bogotá em 1875[2] e atualmente tem sede em Medellin. O banco faz parte do Grupo Empresarial Antioqueño que é considerado o maior conglomerado empresarial da Colômbia e um dos maiores da América Latina, possui operações em toda Colômbia e em diversos países da América Central em 31 de dezembro de 2012 o banco tinha 815 agências bancarias em diversas partes da Colômbia,[3]Em 2007 um escândalo financeiro eclodiu após o mandado de prisão contra o presidente do Bancolombia, Jorge Londoño e vice-presidente da entidade, Federico Guillermo Ochoa. Ambos os executivos foram acusados ​​pelo Gabinete do Procurador-Geral de alegados crimes de fraude, uso indevido de fundos recolhidos das operações públicas e não autorizadas com os acionistas.[4]em fevereiro de 2013 o Bancolombia anunciou a compra das operações do HSBC no Panamá por 2100 milhões de dólares, e com essa compra o banco avançou na sua estratégia de internacionalização.[5]

Referências