Bento Martins de Meneses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Bento Martins de Meneses[1], o Barão do Ijuí, (Cachoeira do Sul, 7 de setembro de 1818Uruguaiana, 27 de março de 1881) foi um militar brasileiro[2].

Integrou a antiga Guarda Nacional. Depois de participar da Guerra dos Farrapos e dos conflitos com o Uruguai em 1851 e 1852, foi reformado com a patente de Tenente Coronel. Mudou-se para Uruguaiana, onde, à época da Guerra do Paraguai, formou o 17º Regimento de Cavalaria, que enfrentou as tropas de Estigarribia e apoiou as famílias que se refugiaram em Alegrete. Depois da guerra, recebeu o posto de Brigadeiro Honorário do Exército, equivalente hoje ao de General de Brigada[3].

O solar onde viveu é um ponto turístico em Uruguaiana[4].

Notas

  1. Pela grafia arcaica, Bento Martins de Menezes.
  2. Rua Bento Martins. Projeto de pesquisa Ruas do Rio Grande
  3. À procura de um barão. Academia de História Militar Terrestre do Brasil
  4. Turismo. Prefeitura de Uruguaiana

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.