Brigitte Engerer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Brigitte Engerer em 2009.

Brigitte Engerer (Túnis, 27 de outubro de 1952Paris, 23 de junho de 2012) foi uma pianista francesa[1] .

Biografia[editar | editar código-fonte]

Engerer nasceu em Túnis. Iniciou os estudos em música aos cinco anos, ao entrar para o Conservatório de Paris na classe de Lucette Descaves. Ela obteve, em 1968, aos 15 anos, um primeiro prêmio no piano, o primeiro nomeado por unanimidade. Em 1969, ela ganhou o Concurso Internacional de Piano Marguerite Long-Jacques Thibaud, após o qual ela foi convidada para realizar formação complementar no Conservatório Tchaikovsky de Moscou, onde ingressou na classe de Stanislav Neuhaus: ela estudou lá durante nove anos.

Em 1980, sua carreira tomou um rumo decisivo quando Herbert von Karajan a convidou para tocar com a Filarmônica de Berlim. Sua carreira posterior foi dividida entre dar recitais e lecionar no Conservatório de Paris. Fez sua última apresentação no dia 12 de junho no teatro dos Champs-Elysées.

Ela foi casada com o escritor Yann Queffélec, com quem teve uma filha, Leonora. Ela morreu em Paris.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Folha de S.Paulo, Pianista francesa Brigitte Engerer morre em Paris aos 59 anos
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Brigitte Engerer