Caledônia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Caledônia (desambiguação).
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Caledônia (português brasileiro) ou Caledónia (português europeu) é a denominação atribuída pelo Império Romano à região setentrional da ilha da Grã-Bretanha, grosso modo correspondente ao território atual da Escócia.

Em alguns contextos pode significar o norte da área da Muralha de Adriano. Em outro contexto pode significar o norte da área da Muralha de Antonino. Em inglês e em scots Caledonia é agora um nome romântico ou poético para Escócia, comparável com Hibérnia para a Irlanda e Cambria para País de Gales. Entretanto, alguns estudiosos apontam que o nome "Escócia" é derivado de Scotia, um termo latino usado inicialmente para designar a Irlanda (também chamada de Hibérnia pelos romanos) e depois para a Escócia, os povos escotos se originaram na Irlanda e posteriormente se reassentaram na Escócia. O nome pode ser relacionado ao de uma grande tribo pictórica central, os caledônios, uma entre várias na região e, talvez a tribo dominante. Seu nome se refere como aquele de Dunkeld ('Dùn Chailleann' no gaélico escocês).

Outro nome romano pós-conquista para a ilha da Grã-Bretanha foi Albion, que é cognato com o nome gaélico escocês para a Escócia: Alba.

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.