Calidris bairdii

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Como ler uma infocaixa de taxonomiaMaçarico-de-bico-fino
Calidris bairdii -Gullbringusysla, Iceland-8.jpg
Estado de conservação
Espécie pouco preocupante
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Charadriiformes
Família: Scolopacidae
Género: Calidris
Espécie: C. bairdii
Nome binomial
Calidris bairdii
Coues, 1861
Sinónimos
Actodromas bairdii

Erolia bairdii

O maçarico-de-bico-fino (Calidris bairdii) é uma ave limícola pequena, da família Scolopacidae. Ele se encontra entre as aves que foram inicialmente incluídas no gênero Erolia e agrupadas no gênero Calidris em 1973.[1] O nome do gênero deriva do grego antigo kalidris ou skalidris, um termo usado por Aristóteles para algumas aves aquáticas cinzentas. O nome específico bairdii homenageia Spencer Fullerton Baird, naturalista e secretário-assistente do Smithsonian Institution no século XIX.[2]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Os adultos possuem pernas pretas e um bico curto, reto e fino. Eles são marrons escuros na parte superior e principalmente brancos na inferior, com uma mancha preta na garupa. A cabeça e o peito são marrons claros com listras escuras. Na plumagem de inverno, esta espécie tem a cor cinza amarronzada mais pálida na parte superior. Esta ave pode ser difícil de distinguir de outras aves limícolas pequenas similares.

Uma das melhores características de identificação são as longas asas, que se estendem além da cauda quando a ave está no solo. Apenas o maçarico-de-sobre-branco também mostra isso, mas esta ave pode ser diferenciada pela sua plumagem.

Ecologia[editar | editar código-fonte]

O maçarico-de-bico-fino se reproduz nas tundras setentrionais do leste da Sibéria ao oeste da Groenlândia. Ele faz o ninho no solo, geralmente em locações secas com vegetação baixa.

Ele é um migrante de longa distância, passando o inverno na América do Sul. Esta espécie é um vagante raro na Europa ocidental.

O maçarico-de-bico-fino pode ter se hibridizado com o Calidris subruficollis.

Essas aves forrageiam nos alagadiços da costa, apanhando o alimento que avistam. Elas se alimentam principalmente de insetos, além de pequenos crustáceos.

Referências

  1. Ryser, Fred A. (1985). Birds of the Great Basin: A Natural History. Reno, NV, US: University of Nevada Press. p. 193. ISBN 0-87417-080-X 
  2. Jobling, James A (2010). The Helm Dictionary of Scientific Bird Names. London: Christopher Helm. pp. 66, 84. ISBN 978-1-4081-2501-4 
Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado ao Projeto Aves, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.