Calvos de Randim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Espanha Calvos de Randim

Calvos de Randín

 
  Município  
Igreja Santiago Rubias.JPG
Símbolos
Brasão de armas de Calvos de Randim
Brasão de armas
Localização
Calvos de Randim está localizado em: Espanha
Calvos de Randim
Localização de Calvos de Randim na Espanha
Coordenadas 41° 54' 17" N 7° 52' 32" O
País Espanha
Comunidade autónoma Galiza
Província Ourense
Características geográficas
Área total 97,87 km²
População total (2019) [1] 770 hab.
Densidade 7,9 hab./km²
Código postal 32...
Código do INE 32016
Localização de Calvos de Randim

Calvos de Randim[2] (em normativa RAG e oficialmente, Calvos de Randín) é um município raiano da Espanha na província de Ourense, comunidade autónoma da Galiza, de área 97,87 km² com população de 1110 habitantes (2007) e densidade populacional de 11,34 hab./km².[3]

O município é constituído por aldeias da bacia do rio Salas, como Calvos (sede do concelho), Randín, Vilar, Vilariño, Rubiás e Santiago de Rubiás.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Variação demográfica do município entre 1991 e 2004
1991 1996 2001 2004
2044 1394 1240 1212

História[editar | editar código-fonte]

As aldeias de Rubiás e de Santiago de Rubiás faziam parte do antigo Couto Misto, extinto pelo Tratado de Lisboa (1864). O antigo castelo português da Piconha também fica situado neste município, assim como o "caminho privilegiado" que ligava o Couto Misto a Tourém.

Património edificado[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Calvos de Randim
Ícone de esboço Este artigo sobre Municípios da Espanha é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

  1. «Cifras oficiales de población de los municipios españoles: Revisión del Padrón Municipal» (ZIP). www.ine.es (em espanhol). Instituto Nacional de Estatística de Espanha. Consultado em 26 de agosto de 2020 
  2. Alonso Estraviz, Isaac. «Definição de randinense no Dicionário Estraviz.». AGAL, AGLP e Fundação Meendinho. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  3. «Censo 2011». Instituto Nacional de Estatística (Espanha)