Cassino da Urca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Cassino da Urca
Tipo casino
Geografia
Coordenadas 22° 56' 54.091" S 43° 9' 47.619" O
Localidade Praia da Urca
Localização Rio de Janeiro
País Brasil

O Cassino da Urca foi um cassino brasileiro de fama internacional localizado no bairro carioca da Urca e que funcionou de 1933 a 1946, quando os jogos foram proibidos.[1]

Histórico[editar | editar código-fonte]

O prédio do antigo Cassino da Urca após a reforma promovida pelo Instituto Europeu de Design, em 2010.

O prédio onde se localizava o Cassino foi construído no ano de 1922, abrigando inicialmente o Hotel Balneário.[1] Transformado em Cassino no ano de 1933, o local passou por um período de adaptações e poucas visitas até que o empresário Joaquim Rolla ganhasse numa rodada de cartas parte de suas ações. A partir daí, o Cassino da Urca viveu dias de glória e funcionou até o ano de 1946, quando os jogos de azar foram proibidos pelo então Presidente Dutra.[1] Entre 1954 e 1980, após ter sido comprado pelos Diários Associados, o prédio foi adaptado para receber os estúdios da TV Tupi.[1] Após décadas de abandono e deterioração o antigo Cassino, lado praia, foi restaurado pelo Istituto Europeo di Design para sua sede no Rio de Janeiro. Desde 2013 as instalações são utilizadas pelo IED Rio. As obras do lado do Morro da Urca estão em processo de início. Nesse lado do prédio estão o espaço do "grill-room", o famoso salão de público e o palco do teatro que recebia grandes atrações e shows de Grande Otelo, Carmen Miranda e sua irmã Aurora Miranda, Dick Farney, Virginia Lane, Dalva de Oliveira e o Trio de Ouro, Ary Barroso e a famosa dançarina Josephine Baker. Na época da TV Tupi, o palco era o centro de gravações de inúmeros programas incluindo o "Cassino do Chacrinha" líder de audiência da televisão brasileira durante anos.

Referências

  1. a b c d «Antigo Cassino da Urca será restaurado com recursos do BNDES». Agência Brasil. 17 de dezembro de 2018. Consultado em 23 de fevereiro de 2019