Coalescência (genética)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Na genética, a teoria da coalescência é um modelo retrospectivo de genética populacional. Ele emprega uma amostra dos indivíduos de uma população para rastrear todos os alelos de um gene compartilhados por todos os membros da população até uma única cópia ancestral, conhecida como ancestral comum mais recente (MRCA; algumas vezes designado como coancestral para enfatizar a relação coalescente).

Fontes[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Genética é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.