Comércio da Franca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O Comércio da Franca é um jornal centenário editado pelo Grupo Corrêa Neves Comunicação (GCN Comunicação) na cidade de Franca, São Paulo. Completou 100 anos de circulação ininterrupta dia 30 de junho de 2015, o que o consolidou como maior jornal em circulação na região da alta mogiana. Atinge 23 cidades paulistas e 4 cidades mineiras.

Circulando pela primeira vez no dia 30 de junho de 1915, o jornal registra, desde então, uma trajetória de crescimento junto às comunidades de Franca e região. Durante todo este tempo, o jornal viveu cinco fases distintas: a da consolidação (de 1915 a 1922), a da afirmação (de 1922 ao final da década de 50), a da maioridade (até 1972) e, a partir daí, a da expansão. Cada uma delas, tendo à frente um proprietário, mas todos eles sempre interessados em dotar a cidade (e a região) de uma fonte de informações comprometida com a verdade e com a qualidade do material distribuído aos seus leitores.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.