Diego de Lepe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Diego de Lepe
Nascimento 1460
Palos de la Frontera
Morte 1515 (55 anos)
Portugal
Ocupação explorador

Diego de Lepe (Palos de la Frontera, 1440Portugal, 1515), foi um navegador espanhol.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Primo de Vicente Yáñez Pinzón, partiu do porto de Palos de la Frontera, no Sul da Espanha, no início de dezembro de 1499, e alcançou a costa do Brasil, na altura do cabo de Santo Agostinho (atual Pernambuco), em fevereiro de 1500. Navegou algumas milhas para o sul, observando que a costa se inclinava muito para o sudoeste, e então voltou, percorrendo em seguida a mesma trajetória da esquadra de Pinzón, que partira de Palos vinte dias antes. Lepe passou pela foz do rio Amazonas, ultrapassando o grupo de Pinzón. Após percorrer a costa das Guianas e navegar pelo mar do Caribe, retornou para a Espanha.[1][2]

Sua relação profissional com Vicente foi tão próxima que os dois protagonizaram as primeiras explorações espanholas na América do Sul. Diego de Lepe partiu de Palos de la Frontera alguma semanas depois de seu primo. Ambos foram condecorados pelo rei da Espanha por terem descoberto o Brasil em janeiro de 1500, meses antes de Pedro Álvares Cabral.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Henri Beuchat. «Manual de arqueología americana» (em espanhol). p. 77. Consultado em 23 de abril de 2019 
  2. Antonio de Herrera y Tordesillas. «Historia general de los hechos de los Castellanos en las islas y tierra firme de el Mar Oceano, Volume 2» (em espanhol). p. 348. Consultado em 22 de abril de 2019