Discussão:Batalha de Monte Castello

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Erro recorrente[editar código-fonte]

Chamo a atenção para um erro recorrente no artigo ao longo dos anos: Sobre o nr de baixas totais (mortos em ação + feridos + prisioneiros feitos pelo lado contrário) de ambos os lados nesta batalha. Até o momento, as mais conhecidas referências sobre o tema são as memórias do comandante da Divisão Expedicionária Brasileira e o autor citado no artigo (Hernâni Donato), que entre outras fontes utiliza a do citado Marechal. E, na fonte citada, nas páginas que se referem à batalha em questão, feita a soma aritmética das baixas de ambos os lados, ocorridas nas datas dos 3 principais combates da batalha:

  • 29.11.1944,
  • 12.12.1944 e
  • 21.02.1945

Totalizam: 428 baixas do lado brasileiro, e 70 baixas do lado alemão. Assim, a menos que se tragam fontes bibliográficas ou jornalísticas (de preferência que possam, a exemplo da presente fonte, ser checadas online), que atualizem tais dados históricos, peço que evitem "chutar"ou "adivinhar" qualquer dado que não seja verificável por fontes.

PS:
Para aqueles não familiarizados com assuntos militares, e que por isso talvez estranhem a disparidade de baixas entre ambos os lados; lembro que, uma das características do combate em Montanha, são as inúmeras vantagens que dispõem o lado defensor em relação ao atacante. Vantagens estas que em geral resultam em disparidades de tal tipo, especialmente em ataques frontais como foram os 2 primeiros (dos principais) combates em Monte Castello. Um exemplo (e nem sequer era um terreno montanhoso) disso foi a batalha do Rio Rápido, ocorrido entre forças americanas e alemãs entre 20 e 22 de janeiro de 1944, quando as primeiras tentaram atravessar o Rio Gari na região de Lazio, ao sul do Monte Cassino, quando 2 "regimentos" (brigadas) americanos atacantes sofreram 2100 baixas, contra apenas 243 do regimento defensor alemão. Uma diferença de quase 9 (NOVE)!!! vezes.
Em Monte Cassino, que neste sentido (clara vantagem para o lado defensor em termos de topografia), é considerada uma batalha de "proporções equilibradas" entre baixas de ambos os lados, teve Quase 3 (TRÊS)!!! vezes mais baixas entre as tropas aliadas atacantes, do que suas inimigas tropas nazi-facistas.
Assim, a disparidade entre baixas brasileiras atacantes e as alemãs que defendiam Monte Castello - citada na fonte do artigo, de pouco mais de 6 vezes, está dentro da média estatística de ataques frontais contra posições deste tipo. 179.111.28.91 (discussão) 18h01min de 18 de março de 2017 (UTC)

Na verdade não esta completamente certo. A fonte em questão reporta 417 baixas (entre mortos e feridos) pelos brasileiros (190 no dia 29/11, 140 no dia 12/12 e 87 no dia 21/12). Segundo a fonte, no mesmo período os alemães sofreram 47 (12 no dia 29/11, 12 no dia 12/12 e 23 no dia 21/12) e 23 prisioneiros (totalizando 70 mesmo). Quanto ao seu PS, ele é, no mínimo, de pouquíssima relevância. Na wikipédia o que importa é o que as fontes dizem. O resto é descartável. Coltsfan Talk to Me 19h47min de 18 de março de 2017 (UTC)
Essa última justificativa do Coltsfan, é típica do sujeito que foi pego com as calças curtas mas não quer dar o braço a torcer, além de querer dar a "última palavra". Figura rs 189.40.91.227 (discussão) 21h26min de 18 de março de 2017 (UTC)
Pois é né? Seria uma pena... se existisse... uma coisa... chamada... verificabilidade... e também... WP:FORUM... Seria uma pena. Coltsfan Talk to Me 21h42min de 18 de março de 2017 (UTC)
??? De qualquer modo, atualizado lá. Adicionado o nr de 8 brasileiros que caíram prisioneiros no ataque do dia 12/12/1944 (Pág.367 da fonte utilizada). 179.111.28.91 (discussão) 01h23min de 19 de março de 2017 (UTC)