Discussão:Francisco Antônio de Almeida Júnior

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Fontes[editar código-fonte]

@Giro720: Estou procurando fontes para algumas informações, talvez você possa ajudar com algumas delas:

  1. Niterói como local de nascimento
  2. Data de nascimento da esposa dele
  3. Filho homônimo como professor Instituto Benjamin Constant (O Soares apenas alude a isso)
  4. Membro da Sociedade Geográfica de Paris
  5. Data de nascimento de Abel de Almeida
  6. Fontes do Almanak Laemmert que mencionem ele

Desde já agradeço! ~nmaia d 10h06min de 15 de novembro de 2020 (UTC)

@NMaia: Isso é o que eu consegui até agora:

  1. Não encontrei nenhuma fonte, exceto as vagas citações de que os irmãos dele nasceram em Niterói, e que a família era de Niterói.
  2. A certidão de óbito dela, que está disponível no FamilySearch, cita que ela (viúva) faleceu em 6 de novembro de 1933 aos 79 anos, domiciliada no Rio de Janeiro (RJ), deixando 2 filhos maiores. E nessa edição de "A Capital", de 29 de março, menciona como dia do aniversário dela (além de confirmar o parentesco).
  3. Há algumas fontes p2 aqui e aqui, as vezes indicado como repetidor, e outras como aspirante ao magistério.
  4. Eu usaria o De motibus Aeris e a nota do boletim da Sociedade Geográfica como fonte.
  5. Também pelo FamilySearch, no registo de casamento de 25 Mar 1909, Abel tinha 26 anos de idade; já o irmão, não achei a data de nascimento, mas ele faleceu no final de julho de 1958
  6. Tenente-coronel comandante (1891) mesma posição em 1892, auxiliar na China em missão espacial do Ministério de Relações exteriores (1894)

Outras informações/fontes que podem ser adicionadas ao texto do artigo:

Fontes a serem analisadas[editar código-fonte]

~nmaia d 16h16min de 15 de novembro de 2020 (UTC)

Sobre a anistia: "Foi somente após a reabertura do Congresso em maio de 1892 que a oposição articulou junto com os governistas a elaboração de um pedido de anistia. Em 05 de agosto de 1892, o governo emitiu um decreto anistiando os envolvidos nos acontecimentos que motivaram a decretação de estado de sítio no Distrito Federal em 10 de abril do mesmo ano".
A declaração dele sobre a saída da prisão está nessa página 3, topo da 5 coluna ("Ao público"), onde afirma que foi preso inicialmente na fortelza de Willegaignon e posteriormente na de S. João.
Sobre a estrada de ferro parece se tratar do pai dele (Almeida Júnior estava na Europa nessa época). Giro720 (discussão) 20h03min de 15 de novembro de 2020 (UTC)
A propósito, ele pediu exoneração da cadeira de lente interino da Escola Politécnica em 26 de fev. 1881. Giro720 (discussão) 20h27min de 15 de novembro de 2020 (UTC)

@Giro720: Os relatórios do MRE que mencionam o Almeida são os de 1892 e 1894. O de 1894 diz que ele estava recebendo uma quantia anual pela missão, o que parece sugerir que a missão se iniciou talvez em 1892. Isso faz sentido, porque em 1894 ele foi nomeado pro consulado de Montreal, e parece um pouco improvável que ele tenha ido à China e ao Canadá no mesmo ano. O que acha? ~nmaia d 03h07min de 16 de novembro de 2020 (UTC)

Sobre a Estrada de Ferro, parece que essa informação já está parcialmente inclusa no artigo. O pai dele era engenheiro? Eu quero criar uma cronologia da vida dele, porque parece que todo ano ele tava embarcando em alguma empreitada enorme, parece estranho. ~nmaia d 03h39min de 16 de novembro de 2020 (UTC)
A missão à China parece ter sido criada após a lei 97 de 5 de outubro de 1892, e para ele conste no MRE de 1892, ele foi provavelmente indicado como auxiliar antes do fim daquele ano. Na segunda refeência sobre a missão á China (de em nov 1894), no coluna anterior do jornal, lê-se uma versão mais extensa que foi publicada no Diário Oficial: "(...) O primeiro plenipotenciario [Almirante José da Costa Azevedo] partio para o seu destino em 24 de Abril de 1893, (...)" seguido do comentário "(...) A missão tinha como auxiliar o Dr. Francisco Antonio de Almeida, que se achava nesta Capital vencendo annualmente a gratificação de 6:000$ (...)". Ou seja, leva a crer que ele não viajou em maio de 1894 para China e esteve sempre na Capital. Assim, seria melhor trocar a ordem em que aparecem a missão chinesa e a nomeação para o consulado de Montreal (que foi logo em seguida em 1894). Há de se esclarecer que posição ele foi apontado (e se assumiu), em Montreal. Também não acredito que ele tenha voltado para Europa em 1893 como sugere Sousa (eu removeria esse trecho, talvez ele tenha se confundido com 1883).
No Jornal de Commercio nas décadas de 1890 e 1900 é possível encontrar várias referências á um "Commandante Francisco Antonio de Almeida" da paquete Espírito-Santo (que fazia viagem à Bahia/Manaus); todavia não acredito ser a mesma pessoa, pois isso exigiria longos dias fora da capital que interfeririam em nos cargos que ele chegou assumir. Fora isso, encontrei uma citação sobre uma viagem dele à Pará (que está no texto), e de uma viagem ao Rio Grande do Norte. Giro720 (discussão) 22h57min de 16 de novembro de 2020 (UTC)
Não coloquei data em relação ele ser delegado pois ele começou, ao menos, como suplente de delegado e em várias ocasiões, assumiu como delegado. (tanto que ele pediu exoneração dessa função em fev de 1891, mas aparece novamente como delegado em 1892 na ref. do artigo). Giro720 (discussão) 22h57min de 16 de novembro de 2020 (UTC)
Não acredito José Dias Prado, nem que o pai do Almeida fosse engenheiro. Ambos tinham origem militar. O Almeida, no entanto, assina um artigo em 1892 (após a morte do pai) justificando o pedido a revogação das tarifas da estrada de ferro.Giro720 (discussão) 23h44min de 16 de novembro de 2020 (UTC)
Mais histórias curtas: Almeida pediu em 1870 para se matricular na Escola Central (Escola Politécnica do RJ), da qual já assistia aulas como ouvinte (resultado? A escola Politécnica não era ligada ao Observatório, pelo que eu saiba). No mesmo ano, ele aparece como inspetor de quarteirão no Almanak Laemmert. Giro720 (discussão) 23h44min de 16 de novembro de 2020 (UTC)
@Giro720: Notícia quente: a nomeação pro consulado parece ter sido anulada. ~nmaia d 00h27min de 17 de novembro de 2020 (UTC)

Data de morte[editar código-fonte]

@Giro720: você poderia carregar a certidão de casamento do filho dele no Commons? Ou pelo menos uma URL direta da imagem no Internet Archive. Não estou conseguindo acessar pelo FamilySearch. Acho que o documento se enquadraria em {{PD-BrazilGov}}. ~nmaia d 14h37min de 19 de novembro de 2020 (UTC)

Não acredito que o registro seja protegido por direitos autorais (por não se caracterizar como obra intelectual), mas também não acredito que o PD-BrazilGov se aplique, por não ser ato do governo (e sim de entidade privada de concessão pública). Deixei o registro do casamento disponível aqui. Giro720 (discussão) 15h04min de 19 de novembro de 2020 (UTC)
Estive procurando menções sobre isso nos jornais, mas não tive êxito. ~nmaia d 01h11min de 20 de novembro de 2020 (UTC)
@Giro720: Não sei se li corretamente, ele morreu com 78 anos de idade? Porque o FamilySearch e a infobox tão arredondando pra 80. ~nmaia d 13h25min de 26 de novembro de 2020 (UTC)
É isso mesmo; pelo registro de óbito (citado no registro de casamento) ele teria nascido entre 13 setembro de 1849 e 12 setembro de 1850; a data de 1848 é aquela fornecida pelo Soares (2017). O problema é que não sabemos qual é o mais correto (até porque era muito comum erros de arredondamento nas certidão de óbito); eu acho 1850 mais provável, porque ele teria uma idade mais próxima de Julião de Oliveira Lacaille (que foi junto com ele estudar para Paris). Ainda não encontrei certidão da nascimento (que são terrivelmente difíceis de ler da paróquia de Niterói), e pode ser que nem exista: o pai dele batizou os filhos Gabriella (1862–1953), Horácio (1863–1926) e Laura (1866–1960) "num oratório decentemente preparado" na casa dele (ao invés de ser na igreja) em 1867, após o falecimento da esposa e vários anos após o nascimento desses filhos. Giro720 (discussão) 13h43min de 26 de novembro de 2020 (UTC)

Traduções[editar código-fonte]

@Giro720: Eu devo atualizar as traduções desse artigo na en.wiki e eo.wiki nos próximos dias. Na prática vou reescrever aqueles artigos do zero, acho mais fácil. Se tiver ainda alguma importante informação a ser adicionada (em especial relativa à data de nascimento dele), peço a gentileza de incluir no artigo em breve. ~nmaia d 02h32min de 9 de dezembro de 2020 (UTC)

Não tenho mais nenhuma novidade a respeito dele. Eu sugeriria deixar o ano de nascimento como c. 1848 ao invés de 1848 exato por causa das dúvidas levantas. Giro720 (discussão) 19h20min de 9 de dezembro de 2020 (UTC)