Discussão:Invasão Britânica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Entre a comunidade "quadrinistica", muito se brinca que nos anos 90, após o sucesso de Sandman de Neil Gaiman, houve uma invasão britânica, com autores como Grant Morrison, Warren Ellis e Mark Millar sendo contratado pelas editoras para trabalhar em personagens grandes ou pequenos. Rendeu uma renovada na Liga da Justiça e The Authority, o que já o faz ser digna de nota.


Não sei se merece artigo próprio, mas vi esse e achei que seria interessante mencionar.

Abraços,

Flávio, o Maddox blá! 22:16, 10 Junho 2006 (UTC)

Queen[editar código-fonte]

Gostaria de saber, apesar de minha ignorância relativa ao todo da música (ou mesmo a um todo bastante parcial, como o das últimas décadas), por que razão o Queen não aparece como uma das bandas integrantes de uma dita Invasão Britânica de música desde os Beatles neste artigo discutido, já que muitas de suas músicas foram sucesso tanto nos EUA quanto no resto do mundo (principalmente no Japão); Conheço bastante a história do Queen, por isso, mesmo desconhecendo o resto dos autores e músicas, sabia que houve uma forte influência do rock britânico no resto do mundo (Beatles, Rolling Stones, Pink Floyd e Queen como sendo as maiores), algo que, até onde eu saiba, só foi "superado" pelos EUA (se é que se pode comparar em influência e qualidade com estas bandas, apesar de sua qualidade indiscutível) com a ascensão do Nirvana, nos anos 90 - com relação ao rock, mais especificamente. Se alguém souber o porquê desta exclusão, eu agradeço a resposta.

Aliás[editar código-fonte]

Esta Wikipedia idiota não me deixa editar o que eu acabei de escrever, porque eu não pus assinatura... Mas agora não esquecerei dela. =)

E por falar em Neil Gaiman, porque não falar em Alam Moore? Ou, em outros campos, na tv, com o Monthy Phyton e o humor britânico (que começou no fim dos Beatles e teve como estes, uma história curta, brilhante, e de separação por desacordos, mesmo que com mais "bom humor" que os Beatles)? Provavelmente a dita Invasão Britânica tenha sido algo muito maior do que as referidas influências musicais... Depois do fim do maior império do mundo em extensão de territórios dominados, a cultura britânica nestes aspectos foi muito influente há algumas décadas atrás, podendo-se dizer, talvez, que, de certa forma, o império continuou, sob outras formas, a atuar no mundo (hoje, ao que parece, mais sob a condição de vovô decadente posto no asilo pelos EUA, os filhos gordos e burros que enricaram vendendo um novo descascador de batatas).


Mauryas