Discussão:Poliamor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Protegida por guerra de edições. Cachorrinho está latindo lá no fundo do quntalmsg 23:23, 7 Fevereiro 2006 (UTC)

Qual o problema no "Ver também"? Pode me explicar? Na página em inglês tem um "See also"

Porque o livro de estilo do Wikipédia é outro. Leia o Wikipedia:Livro de estilo para ver as orientações de texto. Fora que induz, uma palavra não leva necessariamente à outra e no texto já está incluída a palavra swing como tem que ser, essa é a forma correta. E quando for assinar coloque quatro vezes o ~ Obrigada Bemel 23:27, 7 Fevereiro 2006 (UTC)

Veja o que diz o próprio livro de estilos: "Como subseção própria

Por outro lado, se os artigos são longos e incluem seções e as referências dizem respeito ao artigo todo e não apenas a uma seção, devem ser listadas no final do artigo numa seção dedicada, intitulada "Ver também".

Esta seção deve aparecer antes da seção "Links externos", caso essa seção exista (se não existir deve, obviamente, ficar no fim do artigo). Não devem ser incluídas na seção "Ver também" ligações que já tenham sido incluídas no texto do artigo."

Agora se poliamor não tem a ver com "casamento aberto" e "swing" eu gostaria de saber o que tem a ver...


555[editar código-fonte]

O argumento dela é que está fora de estilo... como pode estar fora de estilo se no verbete em inglês tem um "See also" muito maior. Quanto ao tema, tanto casamento aberto, quanto poliamor e swing são formas de relacionamento polígamas. Cansei de chamá-la para discutir na parte de discussão do verbete, mas ela se recusou, preferiu ficar revertendo. Grato pela atenção.

Meio termo[editar código-fonte]

Me aparenta que um meio termo para esse problema seria se, ao invés das referências os links para os verbetes fossem inseridos no decorrer do texto, permitindo que a perspectiva que concorda esteja mais explicada (o que permitira também a redação de uma perspectiva que discorde). Cachorrinho está latindo lá no fundo do quntalmsg 23:42, 7 Fevereiro 2006 (UTC)

é exatamente isso o que orientei. como está no texto a frase do swing. lá explica que pode ter relação direta, mas não está no ver também. esse é o estilo que usamos nos textos. se colocamos algo que não está diretamente ligado entra numa frase com a explicação. Bemel 23:44, 7 Fevereiro 2006 (UTC)~

colocar da mesma forma que a frase: "Alguns praticantes do poliamor são adeptos do swing." com os [[ para que a palalvra leve à página. nessa frase fica que alguns podem ser adeptos, mas não gera relação direta. porque no ver também induz o que é um erro induzir a algo que pode não ser o que sempre ocorre. Bemel 23:46, 7 Fevereiro 2006 (UTC)

O problema é que não se trata de uma referência ocasional. São assuntos muito ligados. Fosse assim, jamais se usaria o "Ver também", pois todos os "Ver também" são linkados no decorrer do texto.

Por isso existe a navegação por categorias. Pessoalmente, eu costumo utilizar a opção ver também apenas quando não consigo fazer ligações na redação. Cachorrinho está latindo lá no fundo do quntalmsg 23:52, 7 Fevereiro 2006 (UTC)

Desisto, pode desproteger que eu não vou mais reverter. Mas não apaguem a discussão, pois ainda tenho esperança de que alguém leia isso aqui e concorde comigo! Não é possível este tanto de restrição por causa de um mero "Ver também"


"Alguns praticantes do poliamor são adeptos do swing". Penso que ficaria melhor assim:

As fronteiras entre o poliamor e o swing são difusas. Dependem da origem da relação e do foco da mesma. Se um casal tem uma relação intima conjunta com uma mulher com foco na componente amorosa estamos numa situação de poliamor. Se o foco for na componente sexual estamos numa situação de swing, neste caso menage-a-trois. Claro que o foco pode passar de um lado para o outro ao longo do tempo.