Dispersão (física)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde agosto de 2016)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.

Dispersão em física consiste em um fenômeno que ocorre quando as velocidades das fases (velocidade das componentes) de uma perturbação periódica propagando-se em um dado meio depende das frequências da mesmas. Rigorosamente falando, uma perturbação periódica que sofre dispersão não é uma onda mas sim uma combinação de ondas senoidais discerníveis por suas frequências.

A velocidade da perturbação como um todo é conhecida como velocidade de grupo. As velocidades das fases não precisam ser e em muitos casos não são iguais à velocidade de grupo. Nos meios dispersivos as velocidades das fases são distintas.

Em termos de ondas eletromagnéticas, o vácuo é um meio não dispersivo. Já a dispersão dessas ondas na água é responsável pelos arco-íris.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Eisberg, Robert; Resnick, Robert - Física Quântica, Átomos, Moléculas, Sólidos, Núcleos e Partículas - 13 Ed. - Editora Campus - ISBN 85-7001-309-4