Dreno (cirurgia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Drainage.JPG

O dreno é um tubo cirúrgico, acoplado a um recipiente, utilizado para remover o pus, sangue ou outros fluidos de uma incisão. Geralmente é inserido após a cirurgia: não causa cicatrização mais rápida ou impede uma infecção, mas às vezes é necessário para drenar o líquido do corpo, que pode acumular-se e se tornar um foco de infecção. O dreno têm uma tendência a fechar-se ou entupir, resultando em fluidos retidos que podem contribuir para a infecção ou outras complicações. Assim, os esforços da equipe de saúde devem ser dirigidos para manter e avaliar a permeabilidade. Costumam ser removidos quando os fluídos param de fluir em quantidade consideravel, segundo a média registrada nas medições diárias.[1]

Os drenos podem ser conectadosa recipientes que promovam uma leve sucção, para melhor drenagem. Registro preciso do volume de drenagem, bem como o conteúdo são fundamentais para garantir a cicatrização adequada e controlar o sangramento excessivo. Dependendo da quantidade de drenagem, o paciente pode ter o dreno no lugar de 1 dia a semanas. Sinais de nova infecção ou grandes quantidades de drenagem deve ser comunicado ao prestador de cuidados de saúde imediatamente. As incisões deverão ter um cuidado especial com a limpeza, e curativos devem ser trocados dariamente, para evitar infecções. [2]

Tipos[editar | editar código-fonte]

  • Dreno Jackson-Pratt - Consiste de um tubo ligado a um bulbo que tem uma porta de drenagem que pode ser aberta para remover o fluido ou ar, o bulbo pode ser espremido para criar a sucção. A drenagem deve ficar sempre abaixo da área da ferida.
  • Dreno de Penrose
  • Tratamento de feridas de pressão negativa - Envolve o uso de espuma fechada e um dispositivo de sucção ligado, dispositivo de drenagem que promove a granulação tecidual mais rápida, muitas vezes usado para grandes traumas cirúrgicos / não cura feridas.
  • Dreno Redivac
  • Dreno Pigtail
  • Davol
  • Drenagem torácica Thopaz+, dreno digital que faz a medição de fuga de ar e drenagem de líquidos.
  • Gerente Wound[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Jain, Sudhir Kumar; Stoker, David L.; Tanwar, Raman (2013). Basic Surgical Skills and Techniques. [S.l.]: JP Medical Ltd. pp. 70–73. ISBN 9789350903759 
  2. Texto traduzido do artigo Drain (surgery)[1], da Wikipédia em língua inglesa.
  3. Obney, James; Mary Barnes; et al. (2000). "A method for mediastinal drainage after cardiac procedures using small silastic drains". [S.l.]: The Annals of Thoracic Surgery. 1109 páginas. 10.1016/s0003-4975(00)01800-2 

Artigos relacionados[editar | editar código-fonte]