Emissão beta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Decaimento beta.

A emissão beta , desintegração beta ou decaimento beta é o processo pelo qual um núcleo instável pode transformar-se em outro núcleo mediante a emissão de uma partícula beta, alterando o seu número de protões e número de neutrões sem variar o número total de nucleões. A partícula beta pode ser um elétron, escrevendo-se \beta^-, ou um posítron, \beta^+. Um terceiro tipo de desintegração é a captura eletrônica. Existem, então, três reações distintas:[1] [2]

Processo geral da desintegração \beta^- : um nêutron dá lugar a um próton, um elétron e um antineutrino. Pode-se escrever o e^- como \beta^-.

\mathrm{n}\rightarrow\mathrm{p}+\mathrm{e}^-+\bar{\nu}_e

Processo geral da desintegração \beta^+ : um próton dá lugar a um nêutron, a um posítron e a um neutrino elétron.

\mathrm{p}\rightarrow\mathrm{n}+\mathrm{e}^++{\nu}_e

Processo geral da captura eletrônica: um próton junto com um elétron formam um nêutron e um neutrino elétron.

\mathrm{p}+\mathrm{e}^-\rightarrow\mathrm{n}+{\nu}_e

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Portal A Wikipédia possui o portal:
Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.