Empuxo vetorial

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde dezembro de 2012). Ajude e colabore com a tradução.
Animação do movimento de um foguete, controlado por empuxo vetorial, por movimento do bocal.
Turbina de empuxo vetorial de um Sea Harrier.

O Empuxo vetorial, em inglês Thrust vectoring, muitas vezes abreviado para TVC, de Thrust Vector Control, é a capacidade de um avião ou foguete de manipular a direção do empuxo dos motores para controlar a atitude e velocidade angular do veículo.

Em aviação, o empuxo vetorial, é usado normalmente para fornecer um empuxo vertical de forma a permitir a um avião, decolagens e pousos totalmente na vertical (VTOL) ou muito curtas (STOL). Em ações de combate aéreo, o uso de empuxo vetorial permite a realização de manobras impossíveis para veículos com motores convencionais.[1]

Em foguetes e mísseis que ultrapassam o limite da atmosfera, controles aerodinâmicos são ineficazes. Nesses casos portanto, o empuxo vetorial é o principal meio de controle de atitude.[2]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Thrust Vectoring». DutchOps. Consultado em 16 de julho de 2019 
  2. Clinton B.F. Ensworth (outubro de 2013). «Thrust Vector Control for Nuclear Thermal Rockets» (PDF). NASA. Consultado em 16 de julho de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre engenharia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.