Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "A Obra de Arte na Era de Sua Reprodutibilidade Técnica"

 
== Análise da Imagem Cinematográfica ==
Benjamin estabelece, com ''A Obra de Arte na Era de sua Reprodução Mecânica'', uma análise do cinema e das imagens que ele permite ver. Para ele, o ator de cinema perde sua aura, seu corpo é como que utilizado pelo aparato cinematográfico, ele se torna torna nada mais que uma imagem submetida a olhar do público ou, como define Arnheim, citado por Benjamin, um simples acessório<ref>Cf. Arnheim, ''Der Film als Kunst'', 1932, p. 176-177.</ref>.
 
Benjamin se interessa pelo modo como o espectador percebe a imagem cinematográfica: para ele, o espectador é como que hipnotizado diante dessa imagem que oferece uma representação do real. Ao mesmo tempo, essa imagem permite a ele aceder a uma nova forma de perceber o mundo, um espaço ao qual o espectador não tinha consciência de pertencer.
Utilizador anónimo