Frade de Pedra (pilar)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2917 - Milano - Santa Maria della Passione - Paracarro siglato S.M.P. - Foto Giovanni Dall'Orto - 26-Feb-2008.jpg

Frades de pedra ou reverentes petrificados são pilares ou marcos de pedra,[1] de forma redonda (assumindo quase sempre a configuração e o significado com origem num velho culto fálico[2] ) fixados no chão para impedir a passagem de veículos ou para amparar o cunhal de uma casa e onde eram também amarradas as rédeas dos animais. Também podiam demarcar um espaço usado como asilo, uma espécie de santuário para os perseguidos.[carece de fontes?]

“O largo fronteiro ao paço de Caxias era uma espécie de asilo, porque os mancebos perseguidos para serem soldados, que chegavam na sua fuga a salvar-se dentro do espaço fechado pelos frades de pedra que rodeavam aquele terreiro não podiam ser ali presos pelos que os seguiam.”[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências