Fredrikstad

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fredrikstad
Brasão da comuna de Fredrikstad
Mapa do condado de Østfold com Fredrikstad em destaque.
Condado Østfold
Número 0106
Sede Fredrikstad
Área 290 km²
População(2006) 70 791
Densidade 240 hab/km²
Idioma Dano-norueguês
Website www.fredrikstad.kommune.no
Fredrikstad bryggepromenade fra Kråkerøybroa.JPG

Fredrikstad é uma comuna (município) da Noruega, com 290 km² de área e 79 457 habitantes (janeiro de 2016), localizada no estado de Østfold, no sudeste norueguês, entre a capital Oslo e a fronteira com a Suécia. É a sexta maior cidade do país em número de habitantes.

A cidade de Fredrikstad foi fundada em 1567 pelo rei Frederick II, e oficializada como município em 1838. Em 1964 o município rural de Glemmen foi fundido a Fredrikstad, e em 1994 foram fundidos também os municípios deBorge, Onsøy, Kråkerøy, e Rolvsøy.

História[editar | editar código-fonte]

Junto com a cidade vizinha Sarpsborg (ambas às margens do mesmo Glomma, distantes cerca de 15 km entre si), formam a 5a maior região metropolitana do país, com 128 916 habitantes.[1][2]

Fredrikstad foi contruída mais a jusante no rio Glomma em substituicão ao incêndio que destruiu Sarpsborg durante a guerra com a Suécia. Porém cerca de metade da populacão permaneceu em Sarpsborg e a reconstruiu cidade nos moldes originais ao longo dos anos.

O centro atual da cidade de Fredrikstad desenvolveu-se a oeste do Glomma, enquanto o centro original situa-se a leste, e é considerado o mais bem conservado sítio histórico fortificado do Norte da Europa, sendo local de grande atracão turística e sede de inúmeros eventos festivos durante todas as estacões do ano.[3]

 Fredrikstad, Pórtico da fortaleza com o posto de vigilância. O pórtico e a fortaleza foram erguidos entre 1664 e 1695. Monograma de Christian V da Dinamarca.
Ruas do centro histórico (Gammel Byen)

Transporte[editar | editar código-fonte]

Fredrikstad stasjon conecta a cidade à malha ferroviária da rede estatal NSB pela linha R20, com viagens diárias em diversos horários para:

- a capital Oslo (1h)

- Aeroporto de Oslo/Gardemoen (2h).

- de/para Gotemburgo, na Suécia (2,5h).

-de/para Estocolmo, na Suécia (6h).

- de/para Copenhagem, na Dinamarca (6,5h).

Geografia e Clima[editar | editar código-fonte]

Fredrikstad é atravessada e abriga a foz do Glomma, o maior rio de toda a Escandinávia, possuindo ilhas e urbanizacão em ambas suas margens.

Fredrikstad está localizada a leste do fiorde de Oslo, cerca de 100 km ao sul da capital. Por encontrar-se na foz do rio Glomma com o oceano, a cidade situa-se sobretudo ao nível do mar, e seu ponto mais alto fica em Østento, a 119 metros de altura.

O clima em Fredrikstad é mais ameno e ensolarado que em Oslo.

Médias em Fredrikstad Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Anual
Temperatura (°C) −3,1 −3,1 0,2 4,9 10,6 14,8 16,7 15,7 11,7 7,5 2,3 −1,1 6,4
Preciptacão (mm) 60 45 55 40 55 65 70 85 90 105 90 65 825

Educacão[editar | editar código-fonte]

Fredrikstad tem três escolas de ensino médio. Frederik II escola secundária com estudos gerais e estudos financeiros / administrativos. Frederik II do ensino médio surgiu da fusão das antigas Frydenberg e Christian Lund Handelsgymnasium. Glemmen oferece formação profissional / estudo. Wang Toppidrett Fredrikstad oferece esportes, ciência, línguas, ciências sociais e economia. Além disso, encontra-se Steiner, que é uma alternativa de ensino privado para a escola primária mais elevada etapa.

Østfold University oferece ensino superior (estudos de mestrado e Bacharelado) na Academia de Artes, Faculdade de Saúde e Assistência Social e da Faculdade de Engenharia da Kråkerøy. Aqui também encontramos Østfold College, que oferece cursos profissionalizantes de curta duração desenvolvidas a partir de uma embarcação / jornaleiro, autorização ou, pelo menos, cinco anos de experiência em ciências técnicas e de ciências da saúde / social.

Além disso, o Departamento de Jornalismo tem a sua sede em Fredrikstad. O departamento oferece educação continuada principalmente de jornalistas e editores.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Innbyggjarnamn». Språkrådet (em norueguês). Consultado em 7 de dezembro de 2016 
  2. «Mannsoverskotet auka òg i 2015». ssb.no (em norueguês nynorsk).  
  3. «Fredrikstad's Old Town». www.visitoslo.com. Consultado em 7 de dezembro de 2016