Girma Wolde-Giorgis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção é sobre alguém que morreu recentemente. A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (editado pela última vez em 17 de dezembro de 2018) Twemoji 1f464.svg
Girma Wolde-Giorgis
Girma Wolde-Giorgis
3° Presidente da  Etiópia
Período 8 de outubro de 2001
a 7 de outubro de 2013
Antecessor Negasso Gidada
Sucessor Mulatu Teshome
Dados pessoais
Nascimento 28 de dezembro de 1924
Adis Abeba, Etiópia
Morte 15 de dezembro de 2018 (93 anos)[1]
Partido nenhum
Profissão militar e político

Girma Wolde-Giorgis (Adis Abeba, 28 de dezembro de 192415 de dezembro de 2018) foi um militar, político e empresário etíope, presidente da Etiópia de 8 de outubro de 2001 a 7 de outubro de 2013.

Foi militar e político durante o regime do negus Haile Selassie, sendo presidente do Parlamento. Depois da deposição do imperador em 1974 trabalhou na representação do governo provisório de Mengistu Haile Mariam na Eritreia. Quando este foi derrocado, se converteu em um homem de negócios até sua eleição como presidente.

Precedido por
Negasso Gidada
Presidente da Etiópia
2001 - 2013
Sucedido por
Mulatu Teshome
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «SIC Notícias | Ex-Presidente da Etiópia Girma Wolde-Giorgis morre aos 94 anos». SIC Notícias. Consultado em 15 de dezembro de 2018