Harry Church Oberholser

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Harry Church Oberholser
Nascimento 25 de junho de 1870
Brooklyn
Morte 25 de dezembro de 1963 (93 anos)
Cleveland
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade Columbia, Universidade George Washington
Ocupação ornitólogo, zoólogo, professor universitário
Empregador United States Fish and Wildlife Service

Harry Church Oberholser (25 de junho de 1870 - 25 de dezembro de 1963) foi um ornitólogo norte-americano.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Harry Oberholser nasceu a 25 de junho de 1870 em Brooklyn, Nova York. No final da década de 1880 frequentou a Columbia University, mas não completou o curso. Depois frequentou a Universidade George Washington, onde recebeu o bacharelato e o mestrado em 1914. Nesse mesmo ano casou-se com Mary Forrest Smith a 30 de junho. Em 1916 concluiu o seu doutoramento. Entre 1895 e 1914, trabalhou para o então United States Bureau of Biological Survey (o atual United States Fish and Wildlife Service). Inicialmente trabalhou como ornitólogo, depois como biólogo e finalmente como editor. Em 1941 mudou-se para Cleveland, Ohio, onde trabalhou como curador de ornitologia no Cleveland Museum of Natural History. Desde 1904 que deu aulas de zoologia e ornitologia em várias universidades.

Morreu a 25 de dezembro de 1963.

Homenagens[editar | editar código-fonte]

A ave Empidonax oberholseri foi nomeada em sua honra. Também um microfilme de um seu manuscrito está preservado no Barker Texas History Center.

Livros[editar | editar código-fonte]

  • The Bird Life of Texas (1974) ISBN 0-292-70711-8
  • Birds of Mt. Kilimanjaro (1905)
  • Birds of the Anamba Islands (1917)
  • The Bird Life of Louisiana (1938)
  • When Passenger Pigeons Flew in the Killbuck Valley (1999) ISBN 1-888683-96-1
  • Critical notes on the subspecies of the spotted owl
  • The birds of the Tambelan Islands, South China Sea
  • The great plains waterfowl breeding grounds and their protection (1918)

Referências