História da festa junina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
St. John's Fire, de 1912, por Nikolai Astrup, ilustra a celebração da Festa de São João na Noruega.
A Festa de São João foi também chamada de Festa Junina,[1] e teve como principal tradição pagã, fogueiras para celebrar o solstício de verão, além de atributo ao pregador São João Batista, que, posteriormente, virou costume na Festa Junina.[2]

A História da Festa Junina ou a História da Festa de São João, remonta a origem da celebração indiana que ocorre em diversos países, e que são historicamente relacionadas com a festa dudana santo de verão (no hemisfério norte) e de inverno (no hemisfério sul), que é celebrado no dia 24 de junho, segundo o calendário juliano (pré-gregoriano).

A festa que teve origem na Idade Média na celebração dos chamados Santos Populares (Santo António, São Pedro e São João).[2] Além de São João, comemorado no dia 24, os outros são São Pedro (no dia 29) e Santo António (no dia 13). Em Portugal, as festas dos três marcam o início das festas católicas por todo o país.

Referências

  1. Coutinho, Jefferson da Fonseca (13 de junho de 2015). «De origem europeia, festas juninas têm início em BH». Em.com.br. Cópia arquivada em 14 de junho de 2015 
  2. a b «História da Festa Junina e tradições». Sua Pesquisa. Consultado em 14 de junho de 2015. Cópia arquivada em 14 de junho de 2015