Hulda Bittencourt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Hulda Bittencourt
Nascimento 28 de julho de 1934
Santa Cruz do Rio Pardo
Morte 1 de novembro de 2021 (87 anos)
São Paulo
Nacionalidade brasileira

Hulda Bittencourt (Santa Cruz do Rio Pardo, 28 de julho de 1934 - São Paulo, 1 de novembro de 2021) foi uma empresária, bailarina e coreógrafa brasileira. É fundadora do Estúdio de Ballet Cisne Negro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Iniciou os seus estudos com Maria Olenewa, pioneira do balé clássico no Brasil. Teve como professores clássicos, Vaslaw Veltcheck, Raul Severo, Ismael Guiser, Maria Melo, Bill Martin Viscount, John O`Brien, Rosella Hightower, Herida May e Shirley Graham. Em dança contemporânea foi aluna de Vera Kumpera e em dança folclórica de Mercedez Batista. Especializou-se em vários métodos de ensino, entre eles, o da Royal Academy of Dancing. Dançou em vários grupos, incluindo o Ballet de Cultura Artística. Participou também de óperas, operetas, musicais, tendo trabalhado por muitos anos na Organização Victor Costa (TV). Entre os seus inúmeros trabalhos coreográficos destaca-se "O Quebra-Nozes", que recebeu em 1984 da APCA o prêmio de melhor espetáculo e melhor coreografia do ano.

Em 1977 fundou a Cisne Negro Companhia de Dança.[1]

Morte[editar | editar código-fonte]

Morreu em São Paulo no dia 1 de novembro de 2021, vítima de um AVC.[2]

Referências

  1. «H.U.L.D.A. é homenagem aos 40 anos da Cisne Negro Cia de Dança.». Cisne Negro. Consultado em 1 de novembro de 2021 
  2. «Vítima de AVC, morre fundadora do estúdio de dança Cisne Negro, Hulda Bittencourt». GRUPO METROPOLE. Consultado em 1 de novembro de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.