Huma Abedin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Huma Abedin em outubro de 2010.

Huma Mahmood Abedin (em urdu: هما محمود عابدین; nascida em 28 de julho de 1976) é uma assistente (secretaria pessoal) presidencial da candidata e senadora dos Estados Unidos Hillary Rodham Clinton. [1] Abedin nasceu em Kalamazoo, Michigan de um pai Indiano e mãe Paquistanesa.[2] Quando tinha dois anos de idade, a família se mudou para Jeddah, na Arabia Saudita. Abedin voltou aos Estados Unidos para frequentar um curso da universidade privada, George Washington University.[1]

Huma Abedin começou como estagiária na Casa Branca em 1996. Atualmente ela é considerada o braço direito de Hillary Clinton.[3] Em 2010, Abedin foi incluída na lista "40 under 40" da revista Time contemplando "uma nova geração de líderes cívicos" e "estrelas em ascensão da política americana."[4][5]

Casou-se, em 2010, com Anthony Weiner, de quem está se separando após escândalos sexuais envolvendo o democrata.[6] Huma é retratada, junto ao então marido, no documentário Weiner, de Josh Kriegman e Elyse Steinberg, sobre a campanha de Anthony Weiner para prefeito da cidade de Nova Iorque, em 2013.[7] [8]

Referências

  1. a b Morgan, Spencer (2007-04-01). «Hillary's Mystery Woman: Who is Huma?». The New York Observer [S.l.: s.n.] Consultado em 2007-07-12. 
  2. Huma, Hillary’s secret weapon, very very much in Vogue. Indian Express. 5 de Setembro de 2007.
  3. Nirali Magazine | Hillary’s Handler: Huma Abedin
  4. (14 de outubro de 2010) "Huma Abedin – Deputy chief of staff to the Secretary of State June 9, 2011". Visitado em 14 de junho de 2016.
  5. "Time Specials – 40 Under 40 June 9, 2011". Visitado em 14 de junho de 2016.
  6. Glenn Thrush, Annie Karnie, Nick Gass (29 de agosto de 2016). «Clinton aide Abedin dumps Weiner after more lewd texts». Politico. Consultado em 31 de agosto de 2016. 
  7. Sundance Review: 'Weiner' is the Best Documentary About a Political Campaign Ever Made, Eric Kohn, Indie Wire, Janeiro de 2016
  8. Weiner review: an unsparing portrait of politics, Lanre Bakare, The Guardian, 24 de janeiro de 2016
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.