Imperial

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Imperial (desambiguação).
IMPERIAL - Produtos Alimentares, S.A.
Indústria Alimentar
Fundação 1932
Sede Vila do Conde,  Portugal
Proprietário(s) Grupo RAR
Faturamento 20,4 milhões de euros[1]
Website oficial imperial.rar.pt/

A IMPERIAL - Produtos Alimentares, S.A. é a maior empresa portuguesa na área do fabrico e comercialização de chocolates.[1]

As marcas da Imperial têm também presença em vários festivais de chocolate, como o Chocolatefest, na Figueira da Foz, promovendo concursos infantis e degustações.[2]

A administradora da empresa Imperial é Manuela Tavares de Sousa.[3]

Marcas e produtos[editar | editar código-fonte]

A Imperial é dententora das marcas Regina, Jubileu, Pintarolas, Pantagruel, Fantasias e Allegro. Em 2011, relançou os famosos "Bombons Coração", produtos bastante conhecidos nos anos 70 e 80.[4] A Imperial é também conhecida pelo produto Coma com Pão (da marca Regina), já comercializado há vários anos no mercado nacional.[5]

A Imperial tem criado também, devido ao forte crescimento na área de exportação, produtos exclusivos como o Jubileu Carré e o Jubileu Minitabletes no Brasil, mercado onde se encontra desde 2000.[6]

Em 2011, devido ao seu êxito no Brasil, o produto Jubileu Carré, que permite monitorizar o consumo diário de chocolate, foi lançado também em países da Europa do Leste, nomeadamente a República Checa e a Eslováquia.[7]

Mercados[editar | editar código-fonte]

Os seus produtos são vendidos em mais de 30 países por todo o mundo.[8] Alguns dos principais mercados de exportação são a Europa de Leste[7] e o Brasil.[6]

A marca planeia também entrar, em 2012, no mercado da Rússia e do Médio Oriente.[9]

Publicidade[editar | editar código-fonte]

A Imperial é responsável pelo anúncio de Natal mais reconhecido de sempre na história do país. Tão famoso que esteve no ar durante 18 anos consecutivos desde 1980. trata-se do anúncio dos chocolates de leite “Fantasias de Natal” da fábrica de chocolates Imperial

Nele um avô e neta conversam junto a uma Árvore de Natal e lareira: “Depois estava o peixinho, veio o gato e comeu--o. Mas veio o cão e o gato teve de se esconder”, continua o avô, bonacheirão, enquanto dá umas trincas no cão. E no gato e no peixe. “Não, não, o coelhinho veio com o pai natal e o palhaço no comboio ao circo”, diz a menina, salvando assim os bichos do apetite voraz do avô.[10]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Maria João Vieira Pinto (23 de setembro de 2011). «Manuela Tavares de Sousa: "Imperial é o maior fabricante nacional de chocolates"». www.marketeer.pt/. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  2. Barroso, Antónia (9 de dezembro de 2011). «Marcas da Imperial fazem as delícias do Chocolatefest 2011». shoppingspirit.pt/. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  3. Gonçalves, Rita (26 de dezembro de 2008). «Manuela Tavares de Sousa, Administradora da Imperial». www.hipersuper.pt/. Consultado em 20 de Dezembro de 2011. 
  4. Mariana de Araújo Barbosa (28 de novembro de 2011). «"Bombons Coração". O regresso dos anos 70 e 80 em chocolate». www.dinheirovivo.pt/. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  5. «Imperial promove "Coma com Pão"». www.briefing.pt/. 18 de março de 2011. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  6. a b OJE/Lusa (19 de agosto de 2010). «Imperial cria chocolates exclusivos para o Brasil». www.oje.pt/. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  7. a b «Imperial lança Jubileu Carré na Europa de Leste». www.distribuicaohoje.com/. 14 de junho de 2011. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  8. «Chocolates Imperial vendidos em mais de 30 países». www.boasnoticias.pt/. 21 de novembro de 2011. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  9. Soares, Elisabete (16 de agosto de 2011). «Imperial prepara entrada na Rússia e Médio Oriente». economico.sapo.pt/. Consultado em 19 de Dezembro de 2011. 
  10. «Publicidade. Lembra-se destes anúncios?» 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]