Indian Ballistic Missile Defence Programme

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lançamento do míssil Advanced Air Defence (AAD).

O programa militar Indian Ballistic Missile Defence Programme (em português: Programa de Defesa de Míssil Balístico Indiano) é uma iniciativa do governo indiano de desenvolver e dispor de um sistema de mísseis antibalísticos de multi-estágios para proteção da Índia de ataques de mísseis balísticos.[1][2]

Reações internacionais[editar | editar código-fonte]

Paquistão[editar | editar código-fonte]

Seguido do teste bem sucedido no dia 15 de maio de 2016, o Paquistão em 20 de maio de 2016 mostrou preocupação acerca do teste militar indiano do míssil interceptador supersônico:[3]

Tome todas as medidas necessárias para aumentar as capacidades de defesa do país.
 
Sartaj Aziz (2016, primeiro-ministro de relações exteriores) .

Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

De acordo com o secretário do departamento americano de defesa, Ashton Carter, há um potencial de cooperação com a Índia em desenvolver um escudo de mísseis antibalísticos (BMD), afirmou durante a sua visita a Índia em julho de 2012:[4]

É uma área com uma potencial importância para a nossa futura cooperação.
 
Ashton Carter (2012, secretário do Departamento de Defesa) .

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.