Inhala

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaInhala
(Tragelaphus angasii)
Uma inhala macho.
Uma inhala macho.
Tragelaphus angasii - Tiergarten Schönbrunn.jpg
Estado de conservação
Dependente de conservação
Dependente de conservação
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Artiodactyla
Família: Bovidae
Subfamília: Bovinae
Género: Tragelaphus
Espécie: T. angasii
Nome binomial
Tragelaphus angasii
Gray, 1848

A inhala (Tragelaphus angasii)[1][2][3] é uma espécie de antílope de tamanho médio da ordem Artiodactyla, família Bovidae. Os cornos em forma de lira apenas estão presentes nos machos e são semelhantes aos da sitatunga (Tragelaphus spekei), ou seja, longos (com cerca de 83 centímetros), espessos e com uma torção longitudinal. A pelagem é castanho-escura nos machos e castanho-avermelhada nas fêmeas, apresentando riscas brancas verticais no dorso, muito mais marcadas nas fêmeas, e pequenas pintas brancas nas coxas.

Os machos adultos são muito maiores do que as fêmeas e apresentam ainda uma risca branca entre os olhos. As inhalas machos são os únicos antílopes africanos que possuem uma longa franja de pelos no dorso, na garganta.

Encontram-se no sul do Malawi, no sudeste do Zimbabwe, no sul de Moçambique e na África do Sul. São chamadas, em inglês e francês, nyala.

Vivem em savanas, junto a cursos de água e em zonas de vegetação densa.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre bovinos, integrado no Projeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


  1. «Grande Dicionario Houaiss». houaiss.uol.com.br. Consultado em 16 de outubro de 2016 
  2. «Relatório da Organização das Nações Unidas» (PDF) 
  3. «Português de Moçambique». DicionarioeGramatica.com. 29 de abril de 2016. Consultado em 16 de outubro de 2016. Arquivado do original em 15 de julho de 2016