Instituto de Cristo Rei e Sumo Sacerdote

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Instituto de Cristo Rei e Sumo Sacerdote (em latim: Institutum Christi Regis Summi Sacerdotis) é uma sociedade de vida apostólica erigida canonicamente em 1 de Setembro de 1990. Sua divisa é Veritatem facientes in caritate (Confessando a verdade na caridade). Tem como objectivos a glória de Deus e a santificação de padres ao serviço da Igreja e das almas através de uma formação doutrinal e espiritual. Sua finalidade é particularmente missionária: difusão e defesa do Reinado de Nosso Senhor Jesus Cristo em todos os aspectos da vida humana. Dedicado a Cristo Rei e Sacerdote, o Instituto tem como patronos a Imaculada Conceição (principal) e São Francisco de Sales, Santo Tomás de Aquino e São Bento (secundários). Possui um seminário em Gricigliano, na Toscana, perto de Florença (Itália), onde se formam, dentro do espírito romano, os futuros sacerdotes do Instituto. Tem como reitor o pe. Philippe Mora. O Instituto está presente na Europa (Itália, França, Bélgica, Espanha, Alemanha, Áustria, Suíça, Reino Unido, Irlanda), na África (Gabão) e na América (Estados Unidos, Brasil). Os livros litúrgicos usados são conforme ao Missal de 1962 (Missal Romano, Ritual Romano, Pontifical Romano e Breviário Romano - rito romano tradicional), dentro do promulgado pelo Motu Proprio Eclesia Dei Aflicta de 2 de Julho de 1988. O Instituto de Cristo Rei e Sumo Sacerdote conta, em 2012, 65 padres e 85 seminaristas. O seu Superior-Geral é o padre Gilles Wach.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]