Intensidade de radiação específica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Intensidade de radiação específica ou Intensidade irradiativa específica é uma grandeza usada em física que descreve radiação eletromagnética. É um termo usado em muitos textos da literatura científica mais antiga. O termo atual do sistema SI é radiança espectral, a qual pode ser expresso com base em unidades do sistema SI como W m−2 sr−1 Hz−1.

Ela fornece uma ampla descrição radiométrica do campo da radiação eletromagnética clássica de qualquer tipo, incluindo radiação térmica e luz. É distinta conceitualmente das descrições em termos explícitos dos campos eletromagnéticos Maxwellianos ou da distribuição de fótons. Refere-se a física material como distinta da psicofísica.[1][2][3][4][5][6][7]

Referências

  1. Planck, M. (1914) The Theory of Heat Radiation, second edition translated by M. Masius, P. Blakiston's Son and Co., Philadelphia, pages 13-15.
  2. Chandrasekhar, S. (1950). Radiative Transfer, Oxford University Press, Oxford, pages 1-2.
  3. Mihalas, D., Weibel-Mihalas, B. (1984). Foundations of Radiation Hydrodynamics, Oxford University Press, New York, ISBN 0-19-503437-6., pages 311-312.
  4. Goody, R.M., Yung, Y.L. (1989). Atmospheric Radiation: Theoretical Basis, 2nd edition, Oxford University Press, Oxford, New York, 1989, ISBN 0-19-505134-3, page 16.
  5. Liou, K.N. (2002). An Introduction of Atmospheric Radiation, second edition, Academic Press, Amsterdam, ISBN 978-0-12-451451-5, page 4.
  6. Hapke, B. (1993). Theory of Reflectance and Emittance Spectroscopy, Cambridge University Press, Cambridge UK, ISBN 0-521-30789-9, page 64.
  7. Rybicki, G.B., Lightman, A.P. (1979/2004). Radiative Processes in Astrophysics, reprint, John Wiley & Sons, New York, ISBN 0-471-04815-1, page 3.