Jônico de Sárdis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Jônico (em latim: Ionicus) foi um doutor, retor, filósofo, poeta e adivinho pagão romano do século IV. Era nativo de Sárdis, filho de um doutor. Foi pupilo de Zenão de Chipre e admirado por Oribásio. Era habilidoso em teoria e prática de medicina, especialista em curativos, amputação e dessecação e um habilidoso professor de medicina. Ele morreu pouco antes da composição da Vida dos Sofistas de Eunápio (ca. 395) e deixou dois filhos.[1]

Referências

  1. Martindale 1971, p. 460.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1971). «Ionicus». The prosopography of the later Roman Empire - Vol. I AD 260-395. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press