João Lopes da Cruz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
João Lopes da Cruz
Conhecido(a) por Ter iniciado a construção do troço entre Mirandela e Bragança da Linha do Tua
Nacionalidade Portugal Portugal
Ocupação Empresário

João Lopes da Cruz foi um empresário português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Foi-lhe adjudicada a construção de várias grandes obras rodoviárias, entre 1888 e 1892, tendo ganho uma elevada experiência na execução e gestão de grandes obras públicas; apresentou-se, em 1902, como o único concorrente ao concurso, organizado pelo Conselho de Administração da companhia dos Caminhos de Ferro do Estado, para a construção do Caminho de Ferro de Mirandella a Bragança.[1] A sua proposta foi aceite, tendo um contrato sido lavrado, de forma provisória,[2] pelo Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria, em 19 de Abril do mesmo ano.[3] A concessão definitiva foi-lhe atribuída em 24 de Maio, tendo, no entanto, efectuado o trespasse à Companhia Nacional de Caminhos de Ferro no dia 30 de Junho do ano seguinte.[2]

Em sua homenagem, a artéria junto ao antigo edifício da Estação Ferroviária de Bragança recebeu o nome de Avenida João da Cruz.

Referências

  1. «Caminhos de Ferro de Mirandella a Bragança». Gazeta dos Caminhos de Ferro. 15 (341). 65 páginas. 1 de Março de 1902 
  2. a b TORRES, Carlos Manitto (16 de Março de 1958). «A evolução das linhas portuguesas e o seu significado ferroviário». Lisboa. Gazeta dos Caminhos de Ferro. 71 (1686). 133 páginas 
  3. «Parte Official». Gazeta dos Caminhos de Ferro. 15 (348). 182 páginas. 16 de Junho de 1902 
Ícone de esboço Este artigo sobre um empresário é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.