Justo Gallego Martínez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

40° 23′ 39″ N, 3° 29′ 18″ O

Justo Gallego Martínez
Nascimento 20 de setembro de 1925 (93 anos)
Sória
Cidadania Espanha
Ocupação arquiteto
Don Justo com o artista alemão Ulrich Brinkhoff sobre a telhal da catedral
Catedral de Justo Gallego Martínez. Mejorada del Campo (Madrid, Espanha), 2005

Justo Gallego Martínez (n. 1925) é um ex-monge espanhol que construiu a sua própria catedral na localidade espanhola de Mejorada del Campo, perto de Madrid.

Enquanto jovem, Gallego Martínez entrou para um mosteiro da Ordem Trapista mas deixou-o em 1961, após oito anos, pois contraiu tuberculose e a sua saúde deteriorava-se se seguisse o regime monástico. Começou a construir a sua catedral num lote de terreno que herdou dos seus pais.

Martínez é um agricultor. "Os planos só existiram na minha cabeça" - disse - e foram evoluindo de acordo com a oportunidade e a inspiração. Não dispunha de autorização de construção das autoridades locais de Mejorada del Campo. Também não contou com o beneplácito ou autorização da Igreja Católica. Explica apenas que é um acto de .

Diz que o edifício é dedicado a Nossa Senhora do Pilar, especialmente venerada na cidade de Saragoça. O zimbório tem 40 metros de altura. Martínez trabalha sozinho a maior parte do tempo, com ajuda ocasional de seis sobrinhos e alguns voluntários. Por vezes consulta peritos, pagando-lhes às suas custas. Financiou a construção ao alugar ou vender terrenos que herdou, ou por donativos privados.

Em 2005, um anúncio publicitário à bebida Aquarius deu-lhe vasta exposição mediática.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]