Knockdown de genes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Em biologia molecular, o knockdown de genes (ou também knock-down de genes) é uma técnica da genética molecular por meio da qual um organismo é geneticamente modificado para que tenha uma expressão reduzida de um ou mais genes do seu genoma mediante a inserção na célula de pequenos fragmentos ou oligonucleótidos curtos de ADN ou ARN com uma sequência complementar de um gene ativo ou do seu transcrito de ARNm, e que são unidos por emparelhamento de bases com eles.[1] Se a modificação genética for realizada com êxito, o resultado é aquilo a que se chama de "organismo knockdown". Se a mudança na expressão genética é causada pela união dum oligonucleótido ao ARNm ou por meio duma união temporária do gene alvo, isto dará lugar a uma variação temporária na expressão genética sem modificação do ADN cromossómico, o que se denominará "knockdown transitorio".[1]

Referências

  1. a b Summerton JE (2007). «Morpholino, siRNA, and S-DNA compared: impact of structure and mechanism of action on off-target effects and sequence specificity». Current Topics in Medicinal Chemistry. 7 (7): 651–60. PMID 17430206. doi:10.2174/156802607780487740