L'Homme qui marche

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"L'Homme qui marche" numa nota de Franco suíço

L'Homme qui marche (em português O Homem que caminha) é uma escultura em bronze do artista expressionista Alberto Giacometti, actualmente propriedade de um coleccionador privado.

A escultura é de 1961 e representa um homem, com 183 centímetros de altura, a caminhar. A peça é considerada uma das mais importantes obras do artista e um dos mais importantes ícones da Arte Moderna[1][2].

Em 3 de fevereiro de 2010 tornou-se na ocasião a mais cara obra de arte vendida num leilão ao ser transaccionada por 65 milhões de libras esterlinas (74,2 milhões de euros) na Sotheby's de Londres[3][nota 1].

O Dresdner Bank comprou a escultura em 1980. Em 2009 o Dresdner foi absorvido pelo Commerzbank AG, que por sua vez leiloou a um coleccionador privado anónimo.

A escultura[editar | editar código-fonte]

A escultura de bronze mostra um homem solitário a meio-passo, com os braços pendurados ao seu lado.[5] A peça é descrita como uma "humilde imagem, tanto de um homem comum, como de um poderoso símbolo da humanidade"[6] Giacometti descreveu a escultura, por ter visto "o equilíbrio natural do passo" como um símbolo de força" do homem na sua própria vida"[7] Em 1960, Giacometti foi convidado a fazer parte de um projeto público pela Chase Manhattan Plaza , em Nova York, para fundar figuras de bronze no exterior do edifício.[8] Ele criou várias esculturas com o L'Homme qui marche I entre eles.[9] Giacometti Giacometti teve dificuldades para desenvolver o projeto e acabou abrindo mão da encomenda.[5] No entanto, em 1961, ele lançou o tamanho da vida de trabalho em bronze e expôs na Bienal de Veneza um ano depois.[9] L'Homme Qui Marche I ,foi criado num período alto de Giacometti e representa o ápice de sua experimentação com a forma humana.[10] A peça é considerada uma das mais importantes obras do artista [11] e uma das imagens mais icônicas da arte moderna.[12]

Edição número um da escultura está localizado no Museu de Arte de Carnegie, em Pittsburgh, Pensilvânia[13] A adição número dois, pertence a uma coleção particular. Outros moldes de L'Homme qui marche I, incluem a Fundação Maeght, em Saint-Paul e na Galeria de Arte Albright-Knox, em Buffalo NY[14]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Em 4 de maio de 2010, o quadro Desnudo, Hojas Verdes y Busto de Pablo Picasso estabeleceu novo recorde.[4]

Referências

  1. «Giacometti sculpture fetches £65m at Sotheby's auction». BBC. Consultado em 3 Fevereiro 2010 
  2. «L'Homme Qui Marche I». Sotheby's. Consultado em 3 Fevereiro 2010 
  3. Jornal Público. «Escultura de Giacometti bate recorde mundial em leilões». Consultado em 4 de Fevereiro de 2010. Arquivado do original em 9 de fevereiro de 2010 
  4. «Quadro de Picasso é vendido em leilão recorde». Portal Terra. 4 de maio de 2010. Consultado em 14 de maio de 2010 
  5. a b «Sotheby's Sells Giacometti for Record $104.3 Million». The Wall Street Journal. Consultado em 7 Fevereiro 2010 
  6. «Set to Fetch a Grand Price». The Wall Street Journal. Consultado em 7 Fevereiro 2010 
  7. «Design of the current banknote series: 100 franc banknote». Swiss National Bank. Consultado em 7 Fevereiro 2010. Arquivado do original em 19 de junho de 2010 .
  8. «Giacometti Work Sells for Record $104.3 Million - WSJ.com». Consultado em 2 de Abril de 2010 
  9. a b «Life-size Giacometti bronze goes under the hammer». Reuters. Consultado em 2 de Abril de 2010 
  10. «Sotheby's will offer Giacometti's L'Homme Qui Marche I». The Art Wolf. Consultado em 7 Fevereiro 2010 
  11. «Swiss National Bank (SNB) Design of the current banknote series». Consultado em 2 de Abril de 2010. Arquivado do original em 19 de junho de 2010 
  12. "L'Homme Qui Marche I" http://www.sothebys.com/app/live/lot/LotDetail.jsp?lot_id=159576376 Pagina visitada 7 Fevereiro 2010
  13. Thomas, Mary http://postgazette.com/pg/10036/1033658-84.stm?cmpid=newspanel0 Arquivado em 28 de setembro de 2011, no Wayback Machine. Pittsburgh Post-Gazette (Pittsburgh, PA). Obtido 7 Fevereiro 2010
  14. «Impressionist & Modern Art Evening Sale: Lot 8 Alberto Giacometti». Sotheby's. Consultado em 7 de fevereiro de 2010