Lago Rawal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lago Rawal
Rawal lake
Por do sol no lago Rawal
Localização
Localização Parque Nacional Colinas de Margalla
Região geográfica Ásia
País Paquistão
Características
Tipo Reservatório
Área * 8 8 km2 (3 4 sq mi) km²
* Os valores do perímetro, área e volume podem ser imprecisos devido às estimativas envolvidas, podendo não estar normalizadas.

Lago Rawal,(em urdu: جھیل راول) é um reservatório artificial que fornece as necessidades de água para as cidades de Rawalpindi e Islamabad, no Paquistão.[1]

O rio Korang junto com alguns outros pequenos rios provenientes das Colinas de Margalla foram configurados para formar este lago artificial que abrange uma área de 8,8 km². O rio Korang é o fluxo de saída da barragem de Rawal. O lago Rawal está localizado dentro de uma seção isolada do Village Malpur, Bani Gala e Parque Nacional Colinas de Margalla.[1][2]

Recreação[editar | editar código-fonte]

A área ao redor do lago foi plantada com árvores florescentes e disposta com jardins, pontos de piquenique e caminhos isolados. O jardim em terraços e o lago são utilizados para piqueniques, pesca e passeios de barco. O ponto mais alto do jardim oferece uma vista panorâmica sobre o lago, as colinas de Margalla e Murree, Rawalpindi e Islamabad.[3][4]

Animais selvagens[editar | editar código-fonte]

O reservatório tem uma importância considerável para invernar aves aquáticas, especialmente Anas platyrhynchos. Os mamíferos residentes incluem a raposa comum, o Pangolin, o Porcupine, o gato da selva, o chacal, o javali e a marta de garganta amarela. Os répteis incluem Indian Cobra e Russell's Viper. É um bom lugar para observação de pássaros, já que a maioria das aves de Islamabad são encontradas alí.[5][6]

Pesca[editar | editar código-fonte]

Existem 15 espécies de peixes pertencentes a 11 gêneros presentes no Lago Rawal. As espécies de peixes no lago Rawal e seus afluentes incluem: Doula (Channa channa), Rahu (Labeorohita), Thaila (Catla catla), Mori (Cirrhinus mrigala), Carpa de peixe (Cyprinus carpio) e Tilápia (Tilapia mossambica).[7]

Referências

  1. a b Newspaper, From the (20 de setembro de 2011). «Claims over Rawal Dam land: Twin cities ready to reconcile». DAWN.COM (em inglês) 
  2. Shahid, Jamal (30 de novembro de 2011). «Rawal Dam – more polluted than ever». DAWN.COM (em inglês) 
  3. «Rawal Lake - Dost Pakistan». www.dostpakistan.pk (em inglês). Consultado em 18 de novembro de 2017 
  4. «Rawal Lake-Around IST». www.ist.edu.pk. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  5. Webmaster (4 de agosto de 2017). «Rawal Lake - PakObserver». PakObserver (em inglês) 
  6. «Wildlife of Pakistan: Margalla Hills National Park». www.wildlifeofpakistan.com. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  7. «M.phil Thesis- Saadullah Ayaz- Ecological Zonation Margallah National Park- Pakistan | Biodiversity | Protected Area». Scribd (em inglês). Consultado em 18 de novembro de 2017