Lenz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Lenz é um fragmento de novela do escritor e dramaturgo alemão Georg Büchner escrito em Estrasburgo em 1836. Baseia-se, por um lado, em algumas cartas de Lenz e, por outro lado, em observações do diário do pastor protestante alsaciano Jean Frédéric Oberlin (1740-1826). Jakob Michael Reinhold Lenz, um amigo de Goethe, é o personagem da história. Em março de 1776 ele conheceu Goethe em Weimar. Mais tarde sofreu de distúrbios mentais e foi enviado para o vicariato de Oberlin na aldeia de montanha de Waldbach (na realidade, a aldeia alsaciana de Waldersbach). A história ocupa-se deste último incidente. Embora inacabado na época da morte de Büchner em 1837, o texto tem sido visto como precursor da literatura modernista.[1]

Referências

  1. Dados extraídos das versões alemã e inglesa deste verbete.
Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.