Luís Barbosa (músico)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Luís dos Santos Barbosa, ou simplesmente Luís Barbosa (Macaé, 7 de julho de 19108 de outubro de 1938), foi um músico brasileiro.[1]

Destacou-se no meio radiofônico musical dos anos 1930 por sua bossa e depois por ser o primeiro a usar o chapéu como pandeiro.[2] Foi também grande cultivador de sambas cheios de breques que davam mais visibilidade a sua bossa. Sua carreira foi iniciada em 1931, quando gravou seu primeiro disco, pela Odeon.[2] Chegou a gravar No Tabuleiro da Baiana, de Ary Barroso, ao lado de Carmem Miranda.[2]

Faleceu aos 28 anos de tuberculose. Muitos cantores que vieram depois tomaram Luís Barbosa como pilar, e ele hoje é considerado um dos maiores cantores daquela época. Segundo o pesquisador Sylvio Tullio Cardoso: "Possuidor de extraordinário "sense of humor", cantava num estilo leve, ágil e fortemente sugestivo. Não houve realmente até hoje um sambista que o substituísse."[1]

Referências

  1. a b Dicionário Cravo Albim da Música Popular Brasileira, Biografia do músico, página visitada em 04 de Setembro de 2013.
  2. a b c "Luís Barbosa", Cliquemusic, acessado em 24/9/2009
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.