Lute (profeta)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Lute ou Lut (em árabe: لُوط - Lūṭ ) no Alcorão é considerado um mensageiro e profeta de Deus. [1] também é considerado o mesmo da Bíblia Hebraica.

Na tradição islâmica, Lute morava em Ur e era sobrinho de Ibrahim (Abraão). Ele migrou com Ibrahim para Canaã e foi comissionado como profeta nas cidades de Sodoma e Gomorra, sua história é usada como referência pelos muçulmanos para demonstrar desaprovação de Deus pela homossexualidade. [2]

Ele foi comandado por Allah para ir para a terra de Sodoma e Gomorra para pregar o monoteísmo e impedi-los de seus atos violentos e lascivos. Mais suas mensagens foram ignoradas pelos habitantes, levando à destruição de Sodoma e Gomorra.

Embora Lute tenha deixado a cidade, seus anjos pediram que sua esposa fosse deixada para trás e morreu durante a destruição. O Alcorão define Lute () como um profeta e afirma que todos os profetas foram exemplos de retidão moral e espiritual.

O Alcorão não inclui histórias de embriaguez e/ou incesto de Lute (Ló), Todos os muçulmanos rejeitam a história do profeta Lute (Ló) fazendo sexo com suas filhas.

Notas e referências

Notas

Referências

  1. Alcorão (26:161)
  2. «Story Of Prophet Lut (From Quran)». My Islam (em inglês). Consultado em 30 de julho de 2021