Lycoris radiata

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaLycoris radiata
Lycoris radiata

Lycoris radiata
Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: angiospérmicas
Clado: monocotiledóneas
Divisão: Magnoliophyta
Ordem: Asparagales
Família: Amaryllidaceae
Tribo: Lycoridae
Género: Lycoris
Espécie: L. radiata
Nome binomial
Lycoris radiata
(L'Hér.) Herb.,

Appendix: 20 (1821).

subespécies
  • Lycoris radiata var. pumila
  • Lycoris radiata var. radiata
Sinónimos

O lirio-da-aranha-vermelha (Lycoris radiata) é uma planta da famíliaAmaryllidaceae , pertencente à subfamília Amaryllidoideae .1 Originária da China, foi introduzida no Japão e de lá foi levada para os Estados Unidos e para outros países. Floresce no final do verão ou no outono, muitas vezes em resposta a fortes chuvas. Seu nome vulgar,lírio do furacão,se refere a esta característica, assim como fazem seus demais nomes vulgares, tais como o lírio da ressurreição,estes podem ser utilizados para nomear as plantas do género como um todo.2

Descrição[editar | editar código-fonte]

Higanbana in a woods.jpg

A Lycoris radiata é uma planta perene e bulbosa. Ela geralmente floresce antes que suas folhas apareçam totalmente, suas flores crescem sobre hastes que medem de 30 a 70 centímetros de altura. Suas folhas tem lados paralelos, com largura de 0,5 a 1 cm, com uma faixa central mais pálida. As flores vermelhas estão dispostas em umbelas. Suas flores individuais são irregulares, com segmentos estreitos que se curvam para trás, e longos estames salientes.3

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

A espécie original da Lycoris radiata é, presumivelmente, a L. radiata var. pumila, que ocorre apenas na China. É um organismo diplóide, com 11 pares de cromossomos e é capaz de se reproduzir por meio de sementes. As formas triplóides, com 33 cromossomos, são conhecidas como L. radiata var. radiata. Esta variedade é comum na China e no Japão, de onde a espécie foi levada para ser cultivada na América e em outros lugares. As formas triplóides são estéreis e apresentam reprodução vegetativa, por meio de bulbos. As espécies triplóides japonesas são geneticamente uniformes. Tem sido sugerido que elas foram introduzidas no Japão pela China, juntamente com a cultura de arroz.4 Em análises filogenéticas com base nos genes do cloroplasto, Hori et al. descobriu que todas as outras espécies de Lycoris que examinaram foram classificadas dentro da espécie Lycoris radiata. Eles sugerem que as "espécies" de Lycorispresentemente reconhecidas não podem ser distinguidas umas das outras.4

Referências

  1. Stevens, PF (2001 em diante), Site Angiosperm Phylogeny: Asparagales: Amaryllidoideae <http://www.mobot.org/mobot/research/apweb/orders/asparagalesweb.htm>
  2. Knox, Gary W. (2011), Hurricane Lilies, Lycoris Species, in Flórida Departamento de Horticultura, Ambiental, Florida Cooperative Extension Service, Instituto de Alimentos e Ciências Agrícolas da Universidade da ,<http://edis.ifas.ufl.edu/ep255> recuperado 04/12/2011
  3. Mathew, Brian (1978), os maiores bulbos, Londres: BT Batsford (em associação com a Royal Horticultural Society), ISBN 978-0-7134-1246-8
  4. a b Hori, TA; Hayashi, A; Sasanuma, T & Kurita, S (2006), "variações genéticas no genoma do cloroplasto e agrupamento filogenético de espécies Lycoris", Genes Genet. Syst 81 (4):. 243-253, PMID 17038796